Provocador cênico : implicações de uma outra função em processos colaborativos e pedagógicos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorMota, Marcus Santos-
Autor(es): dc.creatorCarvalhal, Júlia Alves Rodrigues-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:43:22Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:43:22Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-10-17-
Data de envio: dc.date.issued2016-10-17-
Data de envio: dc.date.issued2016-10-17-
Data de envio: dc.date.issued2016-07-06-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/21573-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.26512/2016.07.D.21573-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/638421-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado) — Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-graduação em Arte, 2016.-
Descrição: dc.descriptionNesta pesquisa investigou-se a função do Provocador Cênico, presente na forma de criação teatral denominada Processo Colaborativo, a partir do contato com a metodologia de trabalho dos provocadores Fernando Villar, Georgette Fadel e Veronica Fabrini e dos processos de criação da Cia Les Commediens Tropicales (Campinas), analisando as intervenções realizadas nos espetáculos A última quimera (2007) e 2º d. Pedro 2º (2009). A hipótese aqui apresentada é que o provocador, mesmo sendo uma figura externa ao grupo, interfere tanto no processo criativo quanto no resultado alcançado pelo coletivo de atores, uma vez que seu trabalho é a problematização do material criativo produzido. Sendo assim, primeiramente, esta pesquisa apresenta um panorama histórico, amplo, no qual foram selecionados alguns pontos importantes que influenciaram a relação do ator com o diretor, a partir da visão de Jean-Jacques Roubine e Patrice Pavis, para contextualizar a criação realizada em Processo Colaborativo e identifica o provocador nesses moldes como co-autor. Neste trabalho questionou-se os motivos pelos quais grupos que trabalharam neste principio escolhem esse tipo de intervenção, quais as especificidades na intervenção desta função e como ela interfere nas obras. Por fim, estabeleceu-se uma aproximação do provocador cênico com o trabalho do professor-diretor no contexto acadêmico, a partir do estudo de caso do processo de criação do espetáculo Romeu e Julieta na disciplina “Interpretação e Montagem”, ministrada por mim na Universidade de Brasília em 2015.-
Descrição: dc.descriptionThis research investigated the work of the Scene Provocateur (Provocador Cênico), present in creative method named Collaborative Process, from the contact with the methodological procedures of the Provocateurs (Provocadores) Fernando Villar, Georgette Fadel and Veronica Fabrini and the creative process of the Company Les Commediens Tropicales (Campinas), analyzing the interventions made on the plays A última quimera (2007) and 2º d. Pedro 2º (2009). The hypothesis here presented is that the Provocateur have a participation in the creation, even though he is not a member of the group, he interferes in the creative process and in the result achieved by the collective of actors, since his role is to problematize the creative material produced. In this way, primarily, this research brings forward a wide historical perspective, in which were selected some important points that influenced the relation between the actor and the director from the perception of Jean-Jacques Roubine and Patrice Pavis, to contextualize the type of creation that is realized in the Collaborative Process as mode of production and to identify the Provocateur (Provocador) in this scope as coauthor of the work. This dissertation questioned the reason why some groups that work under those principles choose this type of intervention, which specificities this kind of intervention has and how it interferes in the results of the work. Lastly, established an approximation of the Scene Provocateur (Provocador Cênico) with the work of the teacher-director in an academic context, from the experience of the creative process of the play Romeo and Juliet in the Acting and Staging course (Interpretação e Montagem), given by me in University of Brasília (Universidade de Brasília) in 2015.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectCriação artística-
Palavras-chave: dc.subjectProcesso colaborativo-
Palavras-chave: dc.subjectProcesso pedagógico-
Palavras-chave: dc.subjectArtes cênicas-
Título: dc.titleProvocador cênico : implicações de uma outra função em processos colaborativos e pedagógicos-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.