Programas preventivos brasileiros : quem faz e como é feita a prevenção em saúde mental?

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorAbreu, Samia-
Autor(es): dc.creatorMiranda, Ana Aparecida Vilela-
Autor(es): dc.creatorMurta, Sheila Giardini-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:42:10Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:42:10Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-06-04-
Data de envio: dc.date.issued2018-06-04-
Data de envio: dc.date.issued2016-04-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/32037-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/1413-82712016210114-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/637941-
Descrição: dc.descriptionO objetivo do estudo é identificar os centros de pesquisa brasileiros que desenvolvem intervenções preventivas sistematicamente avaliadas e descrever os estudos de avaliação de programas realizados no Brasil. Para tanto, foi realizada uma revisão sistemática da literatura nacional nas bases de dados Scielo e Pepsic que, com as seguintes palavras-chave "prevenção", "atenção primária", "atenção básica" e "promoção de saúde", resultaram em 25 artigos que descrevem 42 intervenções. Os resultados indicaram uma predominância de intervenções longas, com amostras pequenas, realizadas semanalmente, para promoção de competências em crianças e adolescentes em ambientes educacionais. Majoritariamente, os estudos omitem avaliações de seguimento e tampouco discutem as implicações dos resultados para as políticas públicas. Os pesquisadores são, em sua maioria, psicólogos, afiliados a universidades públicas da região sudeste. Conclui-se que a formação de redes de pesquisa e a ampliação de intercâmbio entre a academia e as políticas públicas podem fomentar o avanço da área no país.-
Descrição: dc.descriptionThe goal of this study is to identify the Brazilian research centers where systematic preventive interventions are developed and describe the national program evaluation studies. For that, we conducted a systematic review of the national literature on two databases (Scielo and Pepsic), through the keywords "prevention", "basic care", "primary care" and " health promotion ", which resulted in 25 articles, describing 42 interventions. The results indicated a predominance of extensive interventions, with small samples, performed weekly, for promoting skills in children and adolescents in educational settings. Mostly, studies did not include follow-up assessments, neither discussed the implications of the findings for public policy. The researchers are mostly psychologists, affiliated to public universities in the Southeast region. It is concluded that the improvement of research networks and the expansion of exchanges between researches and public policy can foster the advancement of the area in the country.-
Descrição: dc.descriptionEl objetivo de este estudio fue identificar los centros de investigación brasileños que desarrollan intervenciones preventivas sistemáticamente evaluadas, y también describir los estudios de evaluación de programas realizados en Brasil. Se realizó una revisión sistemática de literatura nacional en las bases de datos Scielo y Pepsic, usando como palabras clave "prevención", "atención primaria", "atención básica" y "promoción de salud"; los resultados fueron 25 artículos que describen 42 intervenciones y los mismos indicaron un predominio de intervenciones largas, con muestras pequeñas, realizadas semanalmente, para promocionar competencias en niños y adolescentes en ambientes educativos. En su mayoría, los estudios omiten evaluaciones de seguimiento y no discuten las implicaciones de los resultados en las políticas públicas. Los investigadores en su mayoría son psicólogos, afiliados a universidades públicas de la región sudeste. La formación de redes de investigación y la ampliación de intercambio entre la academia y las políticas públicas pueden fomentar el avance del área en el país.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Publicador: dc.publisherUniversidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsPsico-USF - This is an open-access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License (CC BY). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-82712016000100163&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 31 out. 2017.-
Palavras-chave: dc.subjectPrevenção-
Palavras-chave: dc.subjectPolítica pública-
Palavras-chave: dc.subjectAvaliação de programas-
Palavras-chave: dc.subjectSaúde mental-
Palavras-chave: dc.subjectIntervenção precoce-
Título: dc.titleProgramas preventivos brasileiros : quem faz e como é feita a prevenção em saúde mental?-
Título: dc.titleBrazilian preventive programs : who does them and how does prevention on mental health is developed?-
Título: dc.titleProgramas preventivos brasileños : ¿quién hace y cómo es hecha prevención en salud mental?-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.