Teorias da dislexia : sustentação com base nas alterações perceptuais auditivas

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorPrestes, Marta Regueira Dias-
Autor(es): dc.creatorFeitosa, Maria Angela Guimarães-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:29:53Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:29:53Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-12-07-
Data de envio: dc.date.issued2017-12-07-
Data de envio: dc.date.issued2016-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/30129-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/0102-3772e32ne24-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/633125-
Descrição: dc.descriptionEste estudo teve por objetivo examinar teorias contemporâneas da dislexia, com base nos achados sobre as alterações no processamento auditivo e na percepção de fala em disléxicos. A sustentação das teorias fonológica, alofônica e do déficit auditivo é discutida a partir dos achados sobre essas alterações perceptuais. É proposto um novo modelo teórico, segundo o qual a dislexia é um distúrbio multifatorial, com uma gama de sintomas comportamentais associados. O déficit apresentado pelos disléxicos é em parte linguístico, como enunciado na teoria fonológica, e em parte causado pela alteração perceptual auditiva, como prevê a teoria do déficit auditivo. Ambos os fatores interagem e são indissociáveis na explicação da sintomatologia observada no transtorno de leitura e escrita.-
Descrição: dc.descriptionThis study aims to examine contemporary theories on dyslexia, based on findings related to changes in auditory processing and speech perception found in dyslexics. The support for the phonological, allophonic and auditory deficit theories of dyslexia is discussed based on findings related to these changes in auditory perception. A new theoretical model is proposed, according to which dyslexia is a multifactorial-based deficit, with a gamut of associated behavioral symptoms. The deficit presented by dyslexics is partially linguistic, as advocated by the phonological theory, and partially auditory, as advocated by the theory of auditory deficit. Both factors interact and are inseparable in accounting for the symptomatology observed in reading and writing disorders.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Idioma: dc.languagept_BR-
Idioma: dc.languageen-
Publicador: dc.publisherInstituto de Psicologia, Universidade de Brasília-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsPsicologia: Teoria e Pesquisa - Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons (CC BY 4.0). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722016000500205&lng=en&nrm=iso&tlng=pt&ORIGINALLANG=pt. Acesso em: 8 mar. 2018.-
Palavras-chave: dc.subjectDislexia-
Palavras-chave: dc.subjectProcessamento auditivo-
Palavras-chave: dc.subjectPercepção da fala-
Título: dc.titleTeorias da dislexia : sustentação com base nas alterações perceptuais auditivas-
Título: dc.titleTheories of dyslexia : support by changes in auditory perception-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.