El cuento de nunca acabar

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorRoncisvalle, Josina Nunes Magalhães-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:29:51Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:29:51Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-12-15-
Data de envio: dc.date.issued2016-12-15-
Data de envio: dc.date.issued2012-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/21944-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/633109-
Descrição: dc.descriptionEste artigo propõe algumas reflexões sobre as teorias da tradução e sua aplicabilidade pelo tradutor. Para isso, utiliza-se de texto de Valery Larbaud, como tradutor e pensador da tradução, e do conto “O livro de areia”, de Jorge Luis Borges. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThis article discusses certain theories of translation and its applicability by the translator. For this, we use text Valery Larbaud as translator and thinker of the translation, and the short story “The Book of Sand”, by Jorge Luis Borges.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Publicador: dc.publisherPrograma de Pós-Graduação em Estudos da Tradução (POSTRAD) - Universidade de Brasília (UnB)-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsBelas Infiéis - está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported (CC BY-NC-ND 3.0). Fonte:http://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/8481/6451. Acesso: 23 set. 2016.-
Palavras-chave: dc.subjectTradução-
Palavras-chave: dc.subjectHistória-
Palavras-chave: dc.subjectTeoria-
Título: dc.titleEl cuento de nunca acabar-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.