A natureza, o artesanato e o moderno na obra de Zanine Caldas em Brasilia

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorMari, Marcelo-
Autor(es): dc.creatorFerreira, Frederico Hudson-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:28:23Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:28:23Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-09-21-
Data de envio: dc.date.issued2018-09-21-
Data de envio: dc.date.issued2018-09-18-
Data de envio: dc.date.issued2018-02-28-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/32665-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/632512-
Descrição: dc.descriptionTese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação em Artes, 2018.-
Descrição: dc.descriptionJosé Zanine Caldas constrói uma parte siginificativa de sua obra a partir da integração entre artesanato, natureza, arquitetura e mobiliário. Suas casas e móveis de madeira em situações geográficas particulares como enconstas de morros ou envoltas em matas e oceanos articulam com a paisagem e a produção artesanal em uma relação de troca, painéis de vidro e colunas lavradas e inserções geográficas em pedras ou terrenos inclinados de frente para a água, seja mar ou lago se fundem sem limites. Transita de uma iniciativa urbana e industrial, padronizada ao orgânico, natural e manual em sua produção mobiliária que por meio de sua vertente natural se aproxima esta arquitetura tanto nas montanhas costeiras do Rio em Joatinga, ou Brasília, inserida nos campos do Lago Paranoá. E é neste sentido que esta Tese percorre a obra de Zanine em torno da natureza, arquitetura e mobiliário buscando trazer a tona as harmonias e contradições da obra deste importante criador brasileiro com o objetivo de entender como artesanato e natureza se misturam com sua arquitetura e mobiliário em harmonia ou contraste concluindo que Zanine pode ser tanto tradicional quanto moderno, posto que se por um lado, se orienta pela arquitetura tradicional das fazendas coloniais brasileiras, por outro mergulha nas premissas industriais modernas estimuladas por uma era desenvolvimentista no Brasil dos anos de 1950 e 1960. Para isso foram realizadas pesquisas bibliográficas, entrevistas com pessoas que tanto atuaram com ele, quanto escreveram sobre. Foram também feitas visitas nas residências por ele projetadas no Rio de Janeiro e em Brasília que serviram para entender de perto com Zanine pensava a interação entre arquitetura, paisagem e mobiliário no Brasil. A partir destas pesquisas foi possível verificar o tanto de contraste que cerca a obra de Zanine que se coloca com o Gio Ponti na posição de contraste entre a tradição e o moderno, não havendo distinção marcada entre esses períodos e suas marcações formais ou filosóficas.-
Descrição: dc.descriptionJosé Zanine Caldas constructs a significant part of his work from the integration between crafts, nature, architecture and furniture. Their houses and wooden furniture in particular geographic situations like hill finders or shrouded in forests and oceans articulate with the landscape and the artisan production in a relation of exchange, glass panels and piled columns and geographic inserts in stones or lands inclined of front to the water, whether sea or lake merge without limits. It transits from an urban and industrial initiative, standardized to organic, natural and manual in its furniture production that, through its natural side, approaches this architecture in the coastal mountains of Rio Joatinga, or Brasília, inserted in the fields of Lake Paranoá. And it is in this sense that this thesis goes through the work of Zanine around nature, architecture and furniture seeking to bring to light the harmonies and contradictions of the work of this important Brazilian creator with the goal of understanding how craftsmanship and nature mingle with its architecture and furniture in harmony or contrast, concluding that Zanine can be both traditional and modern, since if, on the one hand, it is guided by the traditional architecture of Brazilian colonial farms, on the other it is plunged into the modern industrial premises stimulated by a developmentalist era in Brazil in the 1950s and 1960. For this, bibliographical researches, interviews with people who worked with him and wrote about him were carried out. Visits were also made to the residences he designed in Rio de Janeiro and Brasília, which served to understand closely with Zanine the interaction between architecture, landscape and furniture in Brazil. From these surveys it was possible to verify the amount of contrast that surrounds the work of Zanine that stands with Gio Ponti in the position of contrast between tradition and the modern, with no marked distinction between these periods and their formal or philosophical markings.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectMobiliário moderno brasileiro-
Palavras-chave: dc.subjectArquitetura-
Palavras-chave: dc.subjectCaldas, Zanine, 1919-2001 - crítica e interpretação-
Palavras-chave: dc.subjectMadeira - estruturas-
Título: dc.titleA natureza, o artesanato e o moderno na obra de Zanine Caldas em Brasilia-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.