Um Estudo de caso do curso de Pedagogia da Terra da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorSá, Laís Maria Borges de Mourão-
Autor(es): dc.creatorFernandes, Flávia Azevedo-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:26:55Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:26:55Z-
Data de envio: dc.date.issued2010-04-15-
Data de envio: dc.date.issued2010-04-15-
Data de envio: dc.date.issued2010-04-15-
Data de envio: dc.date.issued2009-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/4243-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/631903-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2009.-
Descrição: dc.descriptionA pesquisa pretende contribuir com as discussões sobre os desafios e possibilidades de execução de cursos superiores para os povos do campo de acordo com os pressupostos da educação do campo. Para tanto, apresenta duas grandes categorias de análise: o modo de produção de conhecimento e a relação entre universidade e movimentos sociais do campo. Trata-se de um estudo de caso sobre o curso de Pedagogia da Terra da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - convênio UFRN/Incra/MST, que analisa diferentes modos de produção de conhecimento e de organicidade na gestão do curso. Traz referências à luta dos movimentos sociais do campo pelo direito à educação. Analisa as questões históricas que influenciaram a produção científica nas universidades públicas, na perspectiva de Marilena Chauí e Boaventura de Sousa Santos e aborda as teorias sobre currículo e formação de professores. A pesquisa constou, primeiro, de um levantamento dos convênios firmados entre o Pronera e as Instituições Federais de Ensino Superior para o funcionamento dos cursos de Pedagogia, até o mês de dezembro de 2007. O estudo de caso foi realizado junto à segunda turma do Curso de Pedagogia da Terra da UFRN. Os dados foram analisados e organizados em quatro dimensões. Quanto à gestão do curso, evidenciaram-se tensões decorrentes de uma postura fragmentada em relação aos espaços de gestão do movimento e da universidade, embora a prática tenha demonstrado novas possibilidades de articulação. O currículo por alternância ainda é uma dinâmica desafiadora. A interdependência entre tempo escola e tempo comunidade, idéia fundamental da pedagogia da alternância, não é entendida nem pelo projeto do curso, nem pelos sujeitos nele envolvidos. A predominância da cultura escolar ainda é muito forte, fazendo com que o tempo comunidade seja pensado como mero apêndice do tempo escola. Constatou-se que a universidade é desafiada a repensar as relações de produção de conhecimento e as práticas pedagógicas a partir das demandas da Educação do Campo, a se responsabilizar pelas condições materiais oferecidas aos estudantes e a investir na construção de uma ecologia de saberes. Por fim, constatou-se a necessidade de complexificar as visões mútuas entre a universidade e os sujeitos do campo, no sentido de contribuir para a construção de novos paradigmas na educação. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThis study intends to contribute to reflecting on challenges and possibilities of experiences developed by public universities for rural social groups, according to the rural education principals. To this end, the study has two broad categories of analysis: Knowledge Production mode and the relationship between universities and social movements. It is a case study on the Education for Rural Communities program from the Federal University of Rio Grande do Norte (UFRN) partnership UFRN/INCRA/MST. It aims on analyzing different modes of knowledge production and structural organization in managing the program. It refers to the struggles of social movements for the rights to education. It analyzes historical issues that influenced the scientific production in public universities, from Marilena Chauis and Boaventura Sousa do Santos perspective and approaches the theories on curriculum and teachers education. The research consists of a survey of partnerships to implement Education programs established between PRONERA and Federal Institutions of Higher Education until December of 2007. The case study was conducted with the second group to attend the Education for Rural Communities program from UFRN. The data were analyzed and organized in four dimensions. In regards to the management of the program, tensions deriving from a fragmented position towards the spaces of management of the social movement and the university were detected, although new possibilities of articulation were demonstrated in practice. The alternating curriculum is still a challenging dynamics. The interdependence between time scales for the school and for the community, a fundamental idea in alternating pedagogies, is neither understood by the programs project nor by the individuals involved in it. The dynamics of the school predominates strongly, forcing the community time scales to be thought of as a mere appendix of the school time scale. It concluded that universities face the challenge of re-thinking relationships of knowledge production and pedagogical practices from the perspectives of the demands of education for rural communities. Universities also need to take responsibility on the material conditions offered to students and to invest in an ecology of knowledge. At last, this study concluded that there is a need to acknowledge the mutual views between universities and individuals in rural communities, aiming at building new paradigms in education.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectProfessores - formação-
Palavras-chave: dc.subjectEducação rural-
Palavras-chave: dc.subjectGestão do conhecimento-
Título: dc.titleUm Estudo de caso do curso de Pedagogia da Terra da Universidade Federal do Rio Grande do Norte-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.