Fortalecimento da identidade campesina na participação popular nas Escolas do Campo : um estudo de caso no Centro Educacional Taquara, em Planaltina – DF

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorMolina, Mônica Castagna-
Autor(es): dc.creatorGomes, Leonio Matos-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:19:57Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:19:57Z-
Data de envio: dc.date.issued2021-06-23-
Data de envio: dc.date.issued2021-06-23-
Data de envio: dc.date.issued2021-06-23-
Data de envio: dc.date.issued2021-01-27-
Fonte completa do material: dc.identifierhttps://repositorio.unb.br/handle/10482/41262-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/629069-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB Planaltina, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural, 2021.-
Descrição: dc.descriptionEsta pesquisa de mestrado buscou analisar a realização do Inventário Social, Histórico e Cultural do Centro Educacional Taquara, localizado na área rural de Planaltina-DF, visando o fortalecimento da identidade campesina e a participação popular na luta por uma Educação do Campo neste território. Como aspectos metodológicos, fez-se um levantamento bibliográfico a fim de aprofundar sobre a da história da educação no meio rural do Brasil, a importância da Educação do Campo na construção do protagonismo camponês. Também fez-se um levantamentos sobre a construção identitária da Escola do Campo, o Projeto Político Pedagógico e o seu alinhamento aos princípios da Escola do Campo. Também adotou-se como metodologia a análise documental do Inventário Participativo do Centro Educacional Taquara, localizado na área rural de Planaltina-DF e do Projeto Político Pedagógico. A segunda fase dos aspectos metodológicos consistiu em observações e entrevistas com o gestor do Centro Educacional Taquara, os professores e fez uma aplicação de questionário com perguntas fechadas e abertas voltado para os alunos do Centro Educacional Taquara a fim de identificar as características gerais dos alunos e se os projetos desenvolvidos no âmbito escolar estão alinhados ao modo de vida deles e se faz parte do contexto da instituição. Os resultados obtidos permitem identificar que o processo de realização do Inventário Social, Histórico e Cultural do CED Taquara é um instrumento fundamental para a construção identitária da Escola do Campo. Observou-se que há uma inter-relação entre o Inventário Participativo e o Projeto Político Pedagógico como um instrumento de organização do trabalho pedagógico dentro do contexto da Unidade Escolar do Campo. Uma das potencialidades no processo de construção do Inventário foi o envolvimento daqueles que o fazem com a comunidade local, pois registra detalhadamente os aspectos que compõe a comunidade tornando-se um recurso de fácil acesso para quem deseja conhecer o contexto local, no caso o Núcleo Rural Taquara. Dessa maneira, tornando-se um material de consulta para o educador planejar suas aulas a fim de explorar as diversas áreas do conhecimento de maneira contextualizada com a realidade. A pesquisa de campo que consistiu na visita ao CED Taquara ajudou a compreender a importância do Inventário Social, Histórico e Cultural para que a Unidade Escolar se firme como Escola do Campo, visto que, faz um levantamento geral da região que vai desde a historicidade, as formas de ocupação e a transformação do próprio espaço escolar. A Escola do Campo como um lugar de concepção, realização e avaliação do trabalho pedagógico voltado para os sujeitos do campo, necessita de uma organização de ações que ocorram de acordo com a realidade onde está inserida, bem como os sujeitos dessa comunidade se expressam. Para tanto, é imprescindível que o Projeto Político Pedagógico esteja alinhado ao Inventário Social, Histórico e Cultural.-
Descrição: dc.descriptionThis master's research sought to analyze the realization of the Social, Historical and Cultural Inventory of the Taquara Educational Center, located in the rural area of Planaltina-DF, aiming at strengthening the peasant identity and popular participation in the struggle for Rural Education in this territory. As methodological aspects, a bibliographic survey was made in order to deepen on the history of education in rural Brazil, the importance of Rural Education in the construction of peasant protagonism. A survey was also carried out on the identity construction of Escola do Campo, the Political Pedagogical Project and its alignment with the principles of Escola do Campo. The documental analysis of the Participatory Inventory of the Centro Educacional Taquara, located in the rural area of Planaltina-DF and of the Pedagogical Political Project, was also adopted as methodology. The second phase of the methodological aspects consisted of observations and interviews with the manager of the Centro Educacional Taquara, the teachers and carried out a questionnaire with closed and open questions aimed at the students of the Centro Educacional Taquara in order to identify the general characteristics of the students and if the projects developed in the school environment are aligned with their way of life and if it is part of the institution's context. The results obtained allow us to identify that the process of carrying out the Social, Historical and Cultural Inventory of CED Taquara is a fundamental instrument for the identity construction of Escola do Campo. It was observed that there is an interrelation between the Participatory Inventory and the Political Pedagogical Project as an instrument for organizing pedagogical work within the context of the Rural School Unit. One of the potentialities in the process of building the Inventory was the involvement of those who do it with the local community, as it records in detail the aspects that make up the community making it an easily accessible resource for those who want to know the local context, in this case the Nucleus. Rural Taquara. In this way, becoming a reference material for the educator to plan his classes in order to explore the different areas of knowledge in a contextualized way with reality. The field research that consisted of the visit to CED Taquara helped to understand the importance of the Social, Historical and Cultural Inventory for the School Unit to establish itself as Escola do Campo, since it makes a general survey of the region that goes from historicity, the forms of occupation and the transformation of the school space itself. Escola do Campo as a place of conception, realization and evaluation of pedagogical work aimed at the subjects of the field, needs an organization of actions that take place according to the reality where it is inserted, as well as the subjects of this community express themselves. Therefore, it is essential that the Political Pedagogical Project is aligned with the Social, Historical and Cultural Inventory.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectInventário participativo-
Palavras-chave: dc.subjectEscolas do campo-
Palavras-chave: dc.subjectConstrução identitária-
Título: dc.titleFortalecimento da identidade campesina na participação popular nas Escolas do Campo : um estudo de caso no Centro Educacional Taquara, em Planaltina – DF-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.