Limites ao endividamento sob restrições ocasionais economia

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorAndrade, Joaquim Pinto de-
Autor(es): dc.creatorCosta, Marcelo Araujo da-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:18:25Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:18:25Z-
Data de envio: dc.date.issued2021-02-23-
Data de envio: dc.date.issued2021-02-23-
Data de envio: dc.date.issued2021-02-23-
Data de envio: dc.date.issued2020-08-31-
Fonte completa do material: dc.identifierhttps://repositorio.unb.br/handle/10482/40121-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/628443-
Descrição: dc.descriptionTese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Administração, Contabilidade, Economia e Gestão de Políticas Públicas, Departamento de Economia, Brasília, 2020.-
Descrição: dc.descriptionEste artigo investiga as flutuações dos ciclos econômicos em uma economia hipotética em que agentes econômicos enfrentam um teto agregado de endividamento. O teto da dívida visa capturar a dinâmica recorrente enfrentada pelos países emergentes, tais como escassez de colateral e imperfeições no mercado de capitais. Os principais resultados mostram que uma economia operando neste cenário apresenta um crescimento lento em função de restrições ocasionalmente vinculantes. A abordagem teórica lança luzes sobre eventos históricos passados em economias de mercados emergentes usando um modelo DSGE. Como resultado, o impacto dos choques positivos sobre a dívida é amplificado e seus efeitos perduram por mais tempo. As dinâmicas de equilíbrio implícitas são comparadas àquelas que surgem de um modelo em que restrições ocasionalmente vinculantes sobre a dívida não são válidas.-
Descrição: dc.descriptionThis paper investigates business cycles fluctuations in a hypothetical economy in which economic agents face an aggregate debt ceiling. The debt ceiling aims to capture recurrent dynamics faced by emerging countries such as lack of collateral and capital markets imperfections. The main results show that an economy operating in such scenario presents a sluggish growth as consequence of occasionally binding constraints.The theoretical approach sheds lights over past historical events in emerging markets economies using a DSGE model. As a result, the impact of positive shocks on debt is amplified and its effects last for a longer span of time. The implied equilibrium dynamics are compared to those arising from a model in which occasionally binding constraints over the debt is not valid.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectOtimização-
Palavras-chave: dc.subjectModelos de equilíbrio geral-
Palavras-chave: dc.subjectCiclos econômicos-
Título: dc.titleLimites ao endividamento sob restrições ocasionais economia-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.