Contribuições para os estudos histórico-comparativos sobre a diversificação do sub-ramo VI da família linguística Tupí-Guaraní

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorCabral, Ana Suelly Arruda Câmara-
Autor(es): dc.creatorAguilar, Ana Maria Gouveia Cavalcanti-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:15:43Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:15:43Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-06-30-
Data de envio: dc.date.issued2016-06-30-
Data de envio: dc.date.issued2016-06-30-
Data de envio: dc.date.issued2015-12-15-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/20839-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.26512/2015.12.T.20839-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/627363-
Descrição: dc.descriptionTese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2015.-
Descrição: dc.descriptionA presente tese investiga aspectos do complexo linguístico-cultural Tupí-Kawahíwa, com foco na hipótese do agrupamento da língua Kayabí a esse complexo. Conforme a classificação interna da família Tupí-Guaraní proposta por Rodrigues (1984-1985), essa língua, juntamente com o Asuriní do Xingu e o Araweté, estava incluída no Sub-ramo V dessa família. Contudo, Rodrigues e Cabral (2002) considerando o acesso a novos dados sobre as línguas dos diversos sub-ramos, postularam, à luz dos critérios reformulados e dados adicionais, uma revisão da classificação interna dessa grande família linguística e, nessa revisão, o Kayabí foi associado ao Sub-ramo VI. Sob essa perspectiva, as línguas Kayabí, Amondáwa, Uru-Eu-Wau-Wau, Karipúna, Piripkúra, Diahói, Parintintín, Tenharim, †Tupí-Kawahíb, Apiaká e Júma, passam a constituir o Kawahíb branch (RODRIGUES, CABRAL, 2012, p. 499). Esta tese constitui, então, um prosseguimento do trabalho de revisão da classificação interna desse sub-ramo. Sendo assim, buscamos mais elementos para o agrupamento da língua Kayabí nesse complexo. Dada sua natureza comparativa, este trabalho vale-se de descrições disponíveis da língua Kayabí e das línguas da família Tupí-Guaraní dos sub-ramos V (Asuriní do Xingu), VI (Parintintín, Uru-Eu-Wau-Wau, Amondáwa, e outras línguas Kawahíwa sempre que possível e necessário), VII (Kamajurá) e VIII (Wayampí). Propomos, assim, um estudo histórico-comparativo como tradicionalmente vem sendo aplicado na linha de estudiosos como Rodrigues (1953, 1984-1985, 1985, 1996, 2001, 2010), Campbell (1998); Kaufman (1990); Hock, (1991); Thomason e Kaufman (1988), Meillet (1908, 1925, 1921), Hamp (1989), Lehman (1962), Labov (1969), entre outros. Os resultados do estudo comparativo atestam um grau de relacionamento genético do Kayabí mais próximo das línguas do Sub-ramo VI do que com o Sub-ramo V, VII e VIII, fortalecendo a hipótese de Rodrigues (1970a) na classificação apresentada na Grande Enciclopédia Delta-Larousse e retomada na revisão da classificação interna da família Tupí-Guaraní (RODRIGUES, CABRAL, 2002, 2012).-
Descrição: dc.descriptionThis work investigates aspects of the linguistic-cultural Tupí-Kawahíwa complex is investigated, focusing on the hypothesis which agrupates the Kayabí language to this complex. According to the internal classification of the Tupí-Guaraní Family, proposed by Rodrigues (1984-1985), this language, together with Asuriní do Xingu and Araweté were included into to branch V of that family. However, Rodrigues and Cabral (2002) considering new linguistic data from the languages of the Family have proposed, in the light of reviwed criteria and aditional ones a revision the association of Kayabí with languages of branch VI. In this perspective, the Kayabí, Amondáwa, Uru-Eu-Wau-Wau, Karipúna, Piripkúra, Diahói, Parintintín, Tenharim, †Tupí-Kawahíb, Apiaká and Júma languages were analized as constituents of the o Kawahíb branch (RODRIGUES, CABRAL, 2012, p. 499). This dissertation seeks for more elements to strenghtening the hypothesis, which treats the Kayabí as a Kawahíwa language. This comparative work considers the linguistic descriptions of Kayabí and of the Tupí-Guaraní to branchs V (Asuriní do Xingu), VI (Parintintín, Uru-Eu-Wau-Wau, Amondáwa, etc.), VI (Kamajurá) and VIII (Wayampí). The study follows the historical–comparative works by Rodrigues (1953, 1980, 1984-1985, 1985, 1996, 2001a, 2001b, 2001c, 2010 [1989]), Campbell (1998); Kaufman (1990); Hock, (1991); Thomason and Kaufman (1988), Meillet (1908, 1925, 1921), Hamp (1989), Lehman (1962), and Labov (1969). The results of the study show the closest genetic relationship of Kayabí with languages of to branch VI, contributing to the hypothesis of Rodrigues (1970a), and retaken in (RODRIGUES, CABRAL, 2002, 2012).-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectLíngua tupi-guarani-
Palavras-chave: dc.subjectÍndios - línguas-
Palavras-chave: dc.subjectLíngua kayabi-
Título: dc.titleContribuições para os estudos histórico-comparativos sobre a diversificação do sub-ramo VI da família linguística Tupí-Guaraní-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.