Caracterização da vegetação arbórea em área de contato savana/floresta estacional

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorRezende, Alba Valéria-
Autor(es): dc.creatorSilva, Isabel de Castro-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:14:30Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:14:30Z-
Data de envio: dc.date.issued2011-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2011-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2011-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2011-05-05-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/9401-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/626859-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Florestal, Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais, 2011.-
Descrição: dc.descriptionO objetivo deste estudo foi caracterizar a composição florística e a estrutura da vegetação arbórea e arbustiva em uma área de contato Cerrado - Floresta Estacional no Estado de Tocantins. Dez parcelas de 20 × 50 m, distribuídas aleatoriamente na área, foram alocadas de forma permanente. Em cada parcela foram inventariados todos os indivíduos lenhosos arbóreos e arbustivos, vivos e mortos em pé, com diâmetro tomado a 30 cm do solo (Db), igual ou superior a 5 cm. Todos os indivíduos tiveram os valores de Db e altura total registrados, receberam plaqueta metálica com número de identificação e tiveram o material botânico coletado e herborizado para posterior identificação botânica. Foram registrados na área de estudo 71 espécies nativas, 57 gêneros e 31 famílias. A densidade registrada foi de 1.518 ind.ha-1, correspondendo a área basal de 19,03 m².ha-1. O índice de diversidade de Shannon foi alto, igual a 3,48 e o índice de equabilidade de Pielou foi 0,82. As cinco espécies com maior Índice do Valor de Importância foram Callisthene fasciculata Mart. (Carvoeiro), Magonia pubescens A. St.-Hil. (Tingui), Dilodendron bipinnatum Radlk. (Maria-pobre), Myracrodruon urundeuva Allemão (Aroeira) e Astronium fraxinifolium Schott ex Spreng. (Gonçalo-alves). Em cada parcela foram coletadas amostras de solo nas profundidades de 0-10 cm, 20-30 cm e 40-50 cm, e analisadas quanto às propriedades químicas e físicas. Os dados de solos foram correlacionados com os dados da vegetação lenhosa através de técnicas de análise multivariada, visando identificar respostas sobre a ocorrência das espécies em função de características químicas e físicas do solo. A análise TWINSPAN não foi significativa (autovalor < 0,3). A análise de correspondência canônica (CCA) não detectou qualquer relação significativa entre a vegetação e o solo (propriedades físicas e químicas) na profundidade 0-10 cm (autovalor < 0,3 e p > 0,05). Para o solo coletado nas profundidades de 20-30 e 40-50 cm, a CCA detectou algumas relações significativas (autovalor > 0,3 e p < 0,05), indicando a formação de alguns grupos e explicando em parte a distribuição espacial das espécies arbóreas e arbustivas na área de ecótono cerrado sensu stricto-floresta estacional no Estado do Tocantins. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThe present study was designed to characterize the structure and floristic composition of the woody vegetation of an adjacent to a Semi-Evergreen Forest (Tocantins State). Ten plots of 20 x 50 cm, randomly distributed in the area, were placed permanently. In each plot were inventoried all woody tree and shrub individuals, living and dead standing trees with a diameter of 30 cm taken from the ground (Db), not less than 5 cm. All individuals have had values of Db and height recorded, received metal plate with an identification number and had the botanical material collected and dried for later botanical identification. In the study area were recorded 71 native species, 57 genera and 31 families. The density recorded was 1.518 ind.ha-1, corresponding to a basal area of 19.03 m2 ha-1. The Shannon Diversity Index was high, equal to 3.48, and the Pielou Equality Index was 0.82. The five species with the highest Importance Values Index (IVI) were Callisthene fasciculata Mart. (Carvoeiro), Magonia pubescens A. St.-Hil. (Tingui), Dilodendron bipinnatum Radlk. (Maria-pobre), Myracrodruon urundeuva Allemão (Aroeira), and Astronium fraxinifolium Schott ex Spreng. (Gonçalo- alves). In each plot, soil samples were taken at different depths: 0-10 cm, 20-30 cm, and 40-50 cm. These samples were analyzed in a laboratory regarding their physical and chemical properties. The soils data were correlated with the data of the woody vegetation through multivariate analysis, in order to identify responses on the occurrence of the species in terms of chemical and physical characteristics of the soil. A canonical correspondence analysis (CCA) found no significant relationship between vegetation and soil (physical and chemical properties) in the 0-10 cm depth (eigenvalue <0.3 and p> 0.05). For soil samples from depths of 20-30 and 40-50 cm, the CCA found some significant relationships (eigenvalue> 0.3 and p <0.05), indicating the formation of some groups and explaining partially the spatial distribution of tree and shrub species in the area of cerrado sensu stricto ecotone - Semi-Evergreen Forest in the state of Tocantins.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectCerrados-
Palavras-chave: dc.subjectFitogeografia-
Palavras-chave: dc.subjectPlantas e solo-
Título: dc.titleCaracterização da vegetação arbórea em área de contato savana/floresta estacional-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.