Mapa da mina : aspectos da aprendizagem de uma língua estrangeira (inglês)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorMoura Filho, Augusto César Luitgards-
Autor(es): dc.creatorDuarte, Silvagne Vasconcelos-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:07:51Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:07:51Z-
Data de envio: dc.date.issued2020-05-12-
Data de envio: dc.date.issued2020-05-12-
Data de envio: dc.date.issued2020-05-12-
Data de envio: dc.date.issued2019-06-24-
Fonte completa do material: dc.identifierhttps://repositorio.unb.br/handle/10482/37694-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/624210-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada, 2019.-
Descrição: dc.descriptionA pesquisa relatada nesta dissertação é oriunda da investigação das possíveis motivações (intrínsecas e extrínsecas) que influenciam no interesse de um aprendente autônomo com uma experiência de sucesso em estudar uma língua estrangeira (inglês). Para isso, foi necessário identificar as estratégias de aprendizagem usadas por ele, o que permitiu descrever o seu perfil motivacional e estratégico. A base teórica deste estudo está aportada no conhecimento dos construtos sobre motivação (DÖRNYEI, 2001; GARDNER, 1985; USHIODA, 1996), estratégias de aprendizagem (O’MALLEY et al, 1885; OXFORD, 1990; RUBIN, 1975) e autonomia (BENSON, 1996; COTTERRAL, 1995; DICKINSON, 1987; LITTLE, 1991; MACARO, 1997; PAIVA, 2006). Esta é uma pesquisa qualitativa, pois trabalha com a relevância dos insumos encontrados em campo, configurando-se em um estudo de caso (JOHNSON, 1992; SILVA, 2000; LEFFA 2006), visto que analisou uma unidade em diversos ângulos proporcionados pelos instrumentos de coleta de registros, permitindo a interpretação do pesquisador. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas, inventário de estratégias de aprendizagem e documentos pessoais do participante da investigação. Os resultados dessa análise sugeriram que a motivação intrínseca do aprendente é inerente ao desejo de se integrar as comunidades falantes nativas da língua-alvo e pela ação de aprender a aprender, uma vez que o mesmo concebe este processo como uma forma de entretenimento, não mantendo um horário específico de estudo e escolhendo o conteúdo e o material conforme as suas necessidades e suas curiosidades em relação à língua inglesa. É nossa intenção, ao apresentar os resultados, proporcionar a outros aprendentes de língua estrangeira trajetórias bem sucedidas que sirvam de inspiração, ou até mesmo de motivação para continuarem os seus estudos e alcançarem os seus objetivos sociocomunicativos e linguísticos.-
Descrição: dc.descriptionThe reported research in this Master Thesis comes from the investigation of possible (intrinsic and extrinsic) motivations that influence the interest of an autonomous learner with a success experience in studying a foreign language (English). At this point, it was necessary to identify the learning strategies used by the researched learner, which allowed the description of his motivational and strategic profile. The theoretical basis of this study is based on the knowledge of the constructs about motivation (DÖRNYEI, 2001; GARDNER, 1985; USHIODA, 1996), learning strategies (O’MALLEY et al, 1985; OXFORD, 1990; RUBIN, 1975) and autonomy (BENSON, 1996; COTTERRAL, 1995; DICKINSON, 1987; LITTLE, 1991; MACARO, 1997; PAIVA, 2006). This is a qualitative research, because it works with the relevance of the inputs found in the field, and it is a case study (JOHNSON, 1992; SILVA, 2000; LEFFA 2006), because it analyzed a unit from several angles provided by the instruments of collection of records, allowing the interpretation of the researcher. The data were collected through semi-structured interviews, inventory of learning strategies and personal documents of the research participant. The results of this analysis have suggested that learner’s intrinsic motivation is inherent to the desire to integrate the native speaking communities of the target language and the action of learning to learn, since the learner conceives this process as a form of entertainment, not keeping a specific time of study and choosing the content and material according to their needs and their curiosities about the English language. In the presentation of the results, it is our intention to provide other foreign language learners with successful trajectories that will inspire or even motivate them to continue their studies and achieve their socio-communicative and linguistic goals.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectEstratégias de aprendizagem-
Palavras-chave: dc.subjectAprendizagem autônoma-
Palavras-chave: dc.subjectLíngua inglesa - estudo e ensino-
Título: dc.titleMapa da mina : aspectos da aprendizagem de uma língua estrangeira (inglês)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.