A participação de pessoas idosas no mercado de trabalho do setor de turismo do Distrito Federal : possibilidades e limites

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorAraújo, Neuza de Farias-
Autor(es): dc.creatorLima, Elmar Rodrigues de-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:07:29Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:07:29Z-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-07-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-04-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/18571-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/624066-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Excelência em Turismo, Programa de Mestrado Profissional, 2014.-
Descrição: dc.descriptionA dissertação versa sobre a participação dos idosos-idosas no mercado de trabalho no setor de turismo no Distrito Federal possibilidades e limites. Considerando que as pessoas idosas estão atuantes na sociedade, sendo condição de todos os seres vivos, pretendemos fazer uma reflexão sobre a questão do trabalho dos idosos/as e sua atuação em tarefas, em especial pensar nas questões de contribuição e aumento de renda, muito particulares aos idosos-idosas. Esta dissertação faz parte da pesquisa desenvolvida no âmbito do mestrado profissional em Turismo no CET da Universidade de Brasília e insere-se na linha de pesquisa Cultura e Sustentabilidade em Turismo. O objetivo geral deste trabalho é analisar a inserção do idoso/idosa no setor de Turismo. O contexto do tema escolhido é caracterizado por espaço e tempo envolvendo um estudo do Idoso, do Trabalho, no setor de Turismo. Utilizamos o método quanti-qualitativo e análise das categorias idoso, trabalho, turismo e gênero. O Estatuto do Idoso e a Política Nacional do Idoso definem como população idosa, aquela de sessenta (60 anos ou mais). Essa definição resulta numa heterogeneidade do segmento considerado idoso/idosa. Apresentaremos o perfil da população idosa, os aspectos demográficos, renda, políticas públicas, os idosos em estatística do IBGE. Procuramos tecer algumas considerações sobre os direitos das pessoas idosas, gerações, a feminização de idosas, os sentidos do trabalho, novas configurações da divisão sexual do trabalho. Apresentamos o turismo como fenômeno social, e gênero, suas relações na divisão do trabalho no setor de turismo. ______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThis Dissertation exemines the possibility and limits of the participation of old-agend people in the employement market of the tourism sector at the Federal District. Whereas older people are active in society as a condition of all living beings, we want to reflect on the questiono f the work of elderly, their performance in the tasks and in particular considering the issues of contribution to income growth, a very private question to the elderly. This work is part of the research conducted under the Professional master’s degree in Tourism at the Centro de Excelência em Turismo – CET of the University of Brasília and fits into the line of research Culture and Sustainability in Tourism. The general objective of this work is to analyze the insertion of senior / elderly in the Tourism sector. The context of the chosen topic is characterized by space and time involving a study of elderly employment in the Tourism sector. We used quantitative and qualitative methods and the analysis of the categories old, busines, tourism and gender. The Elderly Statute and the National Policy for the Elderly defined as elderly the population sixty years old or older. This definition results in heterogeneity of the segment of population considered elderly. We Will present the profile of the elderly population, demographics, income, public policies and the elderly in the IBGE statistics. We seek to present some considerations on the rights of older people, generations, the feminization of the elderly, the meanings of work, new configurations of the sexual division of labor. Tourism is presented as a social phenomenon, gender and the relations in the division of labor in the tourism sector.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectIdosos - mercado de trabalho-
Palavras-chave: dc.subjectTurismo - aspectos econômicos-
Palavras-chave: dc.subjectTrabalho - aspectos sociais-
Palavras-chave: dc.subjectGênero-
Título: dc.titleA participação de pessoas idosas no mercado de trabalho do setor de turismo do Distrito Federal : possibilidades e limites-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.