Análise espacial da agriculatura familiar conforme os condicionantes geomorfológicos nos municípios de Silvânia e Passa Quatro (GO)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorCosta, Juliana Sarkis-
Autor(es): dc.creatorCarvalho Júnior, Osmar Abílio de-
Autor(es): dc.creatorMartins, Éder de Souza-
Autor(es): dc.creatorMadeira Netto, José da Silva-
Autor(es): dc.creatorGuimarães, Renato Fontes-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T17:56:13Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T17:56:13Z-
Data de envio: dc.date.issued2012-05-31-
Data de envio: dc.date.issued2012-05-31-
Data de envio: dc.date.issued2002-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/10633-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/619696-
Descrição: dc.descriptionEm decorrência do processo histórico de ocupação de terras e, concomitante à política agrária brasileira, a produção familiar ocupa, de maneira geral, áreas com pior aptidão agrícola. Silvânia (GO) é um Município representativo desta realidade, onde as pequenas e médias agriculturas coexistem com a agricultura latifundiária, localizando-se nos seus interstícios geográficos e econômicos. Com o objetivo de estudar os fatores que condicionam e limitam a possibilidade de ascensão da agricultura familiar no Município de Silvânia, foi realizada uma análise ambiental nesse Município a partir do cruzamento de informações relativas aos fatores físicos com os diferentes modelos de agricultura praticados. Constatou-se que os agricultores familiares concentram-se, na maioria, em solos com maior suscetibilidade à erosão, enquanto os agricultores patronais nas áreas onde o relevo é plano e o solo profundo. A compreensão da distribuição espacial dos modelos agrícolas é um subsídio importante para a implantação de medidas capazes de consolidar a agricultura familiar. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionDue to the historical process of land occupation and the Brazilian agrarian politics, the household agriculture production has been under pressure by the agrarian structure composed of owners of large farms. Silvânia (GO) is a representative municipality of this reality, where the small and medium farms exist together with the large farms, located in the geographic and economic interstices. In order to study the factors that limit the improvement of the household agriculture in Silvânia, an environmental analysis of the municipality was conducted by matching information related to the physical factors with the different agriculture methods. The results of this study attest that the owners of household agriculture are concentrated, in its majority, on more erosion susceptible soils and the owners of large farm on the areas where the relief is plain and the soil is deep. Hence, it was possible to understand the spatial distribution of agricultural models which supports the actions to consolidate the household agriculture.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Publicador: dc.publisherPrograma de Pós-Graduação em Geografia do Departamento de Geografia do Instituto de Ciências Humanas da Universidade de Brasília - UnB-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsEspaço & Geografia - está licenciado sob uma licença Creative Commons (Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported (CC BY-NC-ND 3.0)). Fonte: http://www.lsie.unb.br/espacoegeografia/index.php/espacoegeografia/article/view/97/122. Acesso em: 31 maio 2012.-
Palavras-chave: dc.subjectAgricultura familiar-
Palavras-chave: dc.subjectGeomorfologia-
Título: dc.titleAnálise espacial da agriculatura familiar conforme os condicionantes geomorfológicos nos municípios de Silvânia e Passa Quatro (GO)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.