Modis time series for irrigated-area mapping in hydrographic basins of the Brazilian Northeastern region

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorIde, Andre Keiiti-
Autor(es): dc.creatorBaptista, Gustavo Macedo de Mello-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T17:49:59Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T17:49:59Z-
Data de envio: dc.date.issued2019-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2019-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2018-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/33333-
Fonte completa do material: dc.identifierhttps://dx.doi.org/10.1590/s0100-204x2018000100009-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/617295-
Descrição: dc.descriptionO objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicabilidade do uso de séries temporais do índice de vegetação realçado (EVI), do sensor “moderate resolution imaging spectroradiometer” (Modis), no mapeamento de áreas irrigadas em bacias hidrográficas da região Nordeste. As séries temporais anuais, do período de 2006 a 2015, foram classificadas pelo algoritmo “iterative self-organizing data analysis technique” (Isodata), tendo-se gerado um mapa binário de áreas irrigadas e não irrigadas para cada ano. Na região do Sertão, a classificação apresentou coeficiente de concordância Kappa médio de 0,66, tendo subestimado a área irrigada em 7,6%, em comparação aos dados do censo agropecuário de 2006. Para regiões mais úmidas que o Sertão, como as do Agreste e da Zona da Mata Nordestina, a metodologia apresentou limitações em distinguir áreas irrigadas de vegetação natural, tendo apresentado coeficiente Kappa médio de 0,26 e 0,00, respectivamente. As séries temporais de EVI do sensor Modis são aplicáveis ao mapeamento de áreas irrigadas no Sertão Nordestino.-
Descrição: dc.descriptionThe objective of this work was to evaluate the applicability of time series of the enhanced vegetation index (EVI), from the moderate resolution imaging spectroradiometer (Modis), in the mapping of irrigated areas in the Northeastern region of Brazil. Annual time series from 2006 to 2015 were classified with the iterative self-organizing data analysis technique (Isodata) algorithm, generating a binary map of irrigated and nonirrigated areas for each year. In the Sertão region, the classification showed an average kappa coefficient of 0.66, underestimating the irrigated area by 7.6%, compared with data of the 2006 agricultural census. In regions more humid than the Sertão, such as Agreste and Zona da Mata Nordestina, the methodology showed limitations to distinguish irrigated areas from natural vegetation, presenting average kappa coefficients of 0.26 and 0.00, respectively. The EVI time series from Modis are applicable for the mapping of irrigated areas in the Sertão of the Northeastern region of Brazil.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Idioma: dc.languageen-
Publicador: dc.publisherEmbrapa Secretaria de Pesquisa e DesenvolvimentoPesquisa Agropecuária Brasileira-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rights(CC BY) - This is an open-access article distributed under the Creative Commons Attribution 4.0 International License.-
Palavras-chave: dc.subjectPlanejamento agrícola-
Palavras-chave: dc.subjectSensoriamento remoto-
Palavras-chave: dc.subjectSemiárido-
Palavras-chave: dc.subjectÍndice de vegetação-
Palavras-chave: dc.subjectRecursos hídricos-
Título: dc.titleModis time series for irrigated-area mapping in hydrographic basins of the Brazilian Northeastern region-
Título: dc.titleSéries temporais do sensor Modis para mapeamento de áreas irrigadas em bacias hidrográficas do Nordeste brasileiro-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.