Reconfiguração da linguagem na globalização : investigação da linguagem on-line

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorVieira, Josênia Antunes-
Autor(es): dc.creatorOrmundo, Joana da Silva-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T17:40:47Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T17:40:47Z-
Data de envio: dc.date.issued2010-01-18-
Data de envio: dc.date.issued2010-01-18-
Data de envio: dc.date.issued2007-12-10-
Data de envio: dc.date.issued2007-12-10-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/3311-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/613683-
Descrição: dc.descriptionTese(doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Classicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2007.-
Descrição: dc.descriptionEsta tese investiga a reconfiguração da linguagem na globalização. O objetivo é contribuir para a compreensão de como os aspectos da globalização e as mudanças no campo da comunicação, por meio das novas tecnologias da comunicação, estão imbricados na forma como os agentes sociais utilizam a linguagem no ambiente on-line. Desse ponto de vista, são colocados em destaque os agentes sociais, as práticas sociais, as estruturas sociais no qual o evento social ocorreu e, também, esses mesmos fatores são considerados para a análise do ambiente on-line para onde o evento social foi (re)locado. O referencial teórico que orientou esta tese teve como base a Análise de Discurso Crítica (ADC) sobre as questões da linguagem, de globalização e de poder, com ênfase no trabalho de Norman Fairclough (2003b, 2006) sobre linguagem e globalização e sua proposta transdisciplinar de analisar a linguagem por meio da Teoria Social, da Multimodalidade e da sua relação com a economia política cultural. Os estudos sobre a Teoria Social foram respaldados pelo trabalho de Pierre Bourdieu e Loïc Wacquant (2005) sobre campo, habitus e linguagem. A multimodalidade, as mudanças no campo da comunicação e a modalização tiveram como base os estudos de Gunther Kress e van Leeuwen (1996) e van Leeuwen (2005). Mark Poster (1995, 1996, 2000) contribuiu com o seu estudo sobre a reconfiguração da linguagem e a Teoria Social da Mídia. A proposta metodológica foi orientada pela pesquisa qualitativa que forneceu as orientações necessárias para a seleção do corpus em um evento social que aconteceu no Plenário da Câmara dos Deputados e na forma como esse evento foi transformado em notícia pela mídia on-line. Buscou-se investigar: i) a relação do evento social no ambiente em que ele ocorreu por meio da prática social com a sua (de)locação na mídia on-line; e ii) a forma como o evento social foi transformado em notícia on-line com ênfase nos papéis dos agentes que se apropriaram do evento ao transformá-lo em notícia. A investigação apontou como resultado que a reconfiguração ocorre em três níveis de mudança social que podem ser observados da seguinte forma: i) o modo como a linguagem reconfigura a realidade (POSTER, 2000); ii) a relação com os processos de mudança social e tecnológica por meio da recontextualização e de uma abordagem transdisciplinar (FAIRCLOUGH, 2003b; 2006); e iii) em que ponto a reconfiguração ocorre pela ação dos agentes no campo que desvela as relações de poder para a reivindicação de um espaço no campo em que atuam. Ao retratar um determinado evento social na mídia on-line, os sujeitos lançam mão de seus atributos semióticos mais significativos no campo para reafirmar sua posição social. Concluí que há reconfiguração da linguagem no ambiente online e o maior efeito da mudança social ocorre quando os agentes sociais que retrataram o evento social, narrando-o em forma de notícia on-line, utilizam aspectos da globalização e dos elementos semióticos, transformam a linguagem empregada no novo ambiente em um instrumento fundamental para afirmar a posição do sujeito no campo por meio da experiência, do conhecimento e do reconhecimento no campo em que atua. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThis study investigates language reconfiguration in globalization. It aims at comprehending how the aspects of globalization and the changes in the communicating field, through new communication technology, are integrated to the social agents usage of the language in an on-line environment. From this point of view, social agents, social practices and social structures in which the social event occurred are highlighted. The same factors are also considered in the analysis of the on-line environment where the social event was (re)located. The core reference of this study can be traced back to Norman Fairclough’s (2003b, 2006) Critical Analysis of Speech Theory and his transdisciplinary and multimodal analysis of language with a focus on cultural political economy; Pierre Bourdieu and Loïc Wacquant’s (2005) Social Theory and their concepts of field, habitus and language; Gunther Kress and van Leeuwen (1996) and van Leeuwen’s (2005) multimodal concept, changes in field communication and modalization; Mark Poster (1995, 1996, 2000) contributed with the concepts of reconfiguration and the Media Social Theory. A qualitative research methodology was carried out and this was determining in the selection of the corpus – a social event which happened in the plenary of the Chamber of Deputies – and its change into news in the media on-line. The focus of investigation was: i) the relation of the social event in the environment in which it happened with its (de)location in the media on-line; ii) the role of the agent who appropriated the social event, turning it into on-line news. As a result of this process, reconfiguration happened into three levels of social change, which can be observed in: i) the way the language reconfigurates reality (POSTER, 2000); ii) the relation with the social and technological changing processes and an interdisciplinary approach (FAIRCLOUGH, 2003b; 2006); and iii) the moment the reconfiguration happens by the actions of the agents which reveals the power relationships to the claims of time in the field. As the subjects deal with a certain social event in the media on-line, they make use of their most significative semiotic attributes in order to reaffirm their social position. In conclusion, there is language reconfiguration in on-line environment and the most significant social change occurs when the social agents turn the language used in the new environment into a fundamental tool in order to affirm their position in the field of action by means of experience, knowledge and recognition.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectLinguística - processamento de dados-
Palavras-chave: dc.subjectGlobalização-
Palavras-chave: dc.subjectInternet-
Título: dc.titleReconfiguração da linguagem na globalização : investigação da linguagem on-line-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.