Composição de ácidos graxos e de fitoesteróis em frutos de quatro variedades de abacate (Persea Americana MILLl)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorIto, Marina Kiyomi-
Autor(es): dc.creatorRocha, Tatiana Evangelista da Silva-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T17:38:40Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T17:38:40Z-
Data de envio: dc.date.issued2010-11-03-
Data de envio: dc.date.issued2010-11-03-
Data de envio: dc.date.issued2010-11-03-
Data de envio: dc.date.issued2008-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/5807-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/612818-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Departamento de Nutrição, 2008.-
Descrição: dc.descriptionOs fitosteróis, presentes na porção insaponificável das gorduras dietéticas, têm sido apontados como fator protetor contra as doenças cardiovasculares e o ácido graxo oléico tem sido estudado com evidências de efeitos positivos na prevenção e tratamento de doenças crônicas. Devido à elevada riqueza nestes dois componentes apresentada pelos frutos de abacate, este estudo teve como objetivo avaliar quatro variedades desta fruta quanto ao seu conteúdo de ácidos graxos e de fitosteróis. Dentre as variedades estudadas (Wagner, Fortuna, Fuerte e Hass), Fuerte (20,09±3,16g/ 100g) e Wagner (20,99±1,43g/ 100g) foram as que apresentaram maiores concentrações lipídico (p < 0,05), e Fuerte foi a variedade mais rica em ácido oléico (63,16 ±0,11%). O perfil de fitoesteróis foi significativamente diferente entre as quatro variedades analisadas. O -sitosterol foi o mais abundante dos quatro esteróis identificados no estudo, e a variedade Fuerte foi a mais rica nesta molécula (207,21±17,63mg/100g) (p < 0,05). Traços de colesterol foram encontrados nas variedades Fortuna e Fuerte. O conteúdo lipídico e de fitoesteróis elevaram-se com a evolução da maturação do fruto, porém o perfil dos ácidos graxos permaneceu inalterado. Os conteúdos lipídico, de ácido oléico e de -sitosterol foram maiores no período final da safra. Os resultados deste trabalho indicam que, dentre as variedades estudadas, Fuerte é a mais indicada para consumo visando os benefícios comprovados deste ácido graxo e dos fitoesteróis à saúde. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThe phytosterols, present in the non saponifiable portion of dietary fats have been pointed out as protective against cardiovascular diseases. The oleic acid is another compound with positive effects on the treatment and prevention of chronic diseases. Therefore, this study has evaluated four varieties of avocado (Persea americana Mill) for the composition of fatty acids and phytosterols. Among analyzed varieties (Wagner, Fuerte, Fortuna and Hass) analysed, Fuerte (20.09±3.16g/ 100g) and Wagner (20.99±1.43g/ 100g) presented the highest lipid content (p < 0.05). Fuerte showed the highest content of oleic acid (63.16 ±0.11%). The amount of phytosterols was significantly different among the four analyzed varieties, being - sitosterol the most abundant out of the four sterols identified in the study, and Fuerte the richest variety in this compound (207.21±17.63mg/100g) (p < 0.05). Traces of cholesterol were found in the Fortuna and Fuerte varieties. The content of lipids and phytosterols increased with the ripening of the fruit; however, the amount of the fatty acid remained unchanged. The content of total lipids, oleic acids and -sitosterol were higher at the end of the harvest period. The results of this study indicate that the Fuerte variety may be the most appropriated fruit for consumption, aiming at the proven benefits of fatty acid and the phytosterols to health.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectÁcidos graxos-
Palavras-chave: dc.subjectAbacate-
Palavras-chave: dc.subjectLipídios na nutrição humana-
Título: dc.titleComposição de ácidos graxos e de fitoesteróis em frutos de quatro variedades de abacate (Persea Americana MILLl)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.