Inovação em serviços no paradigma da economia do aprendizado : a pertinência de uma dimensão espacial na abordagem dos sistemas de inovação

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.creatorVargas, Eduardo Raupp de-
Autor(es): dc.creatorZawislak, Paulo Antônio-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T17:20:13Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T17:20:13Z-
Data de envio: dc.date.issued2010-12-21-
Data de envio: dc.date.issued2010-12-21-
Data de envio: dc.date.issued2006-01-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/6253-
Fonte completa do material: dc.identifierhttps://dx.doi.org/10.1590/S1415-65552006000100008-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/605462-
Descrição: dc.descriptionA análise do processo de inovação em serviços é recente na literatura, onde este foi tradicionalmente considerado um processo decorrente das inovações engendradas na indústria. Destacam-se, nesta perspectiva, três abordagens: a tecnicista, baseada nos serviços, e a integradora. Esta última, em especial, destaca-se pela tentativa de estabelecer uma teoria única da inovação, que contemple tanto a indústria quanto os serviços, constituindo as conceituações necessárias para diferenciar suas especificidades. Neste sentido, este artigo procura investigar as bases teóricas para a aplicação da abordagem dos sistemas de inovação sobre o processo de inovação em serviços e, em especial, a consideração de uma dimensão espacial, local ou regional, a ser considerada em futuras investigações empíricas. Nossas considerações apontam na direção da pertinência deste enfoque, uma vez que o processo de aprendizagem, determinante do processo de inovação sob o novo paradigma, possui caráter delimitado geográfica, cultural e setorialmente, que está na fonte das vantagens competitivas das organizações. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThe analysis of innovation in services is recent in literature once this kind of innovation has for long been considered as a byproduct from innovation in manufacturing. Three approaches deserve more attention under this perspective: the technicist, the service-based and the integrated. The latter attempts to establish a single theory of innovation for manufacturing and services, including the necessary conceptualizing to distinguish their specificity. In this sense, this paper aims at investigating theoretical foundations for the application of the innovation systems approach to services, including a spatial, local or regional dimension in future empirical studies. The paper argues for the relevance of this approach once the learning process, decisive for the innovation process in the realm of the new paradigm, is related to geographical, cultural and sectoral boundaries that provide a source for competitive advantage for the organizations.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectInovação em serviços-
Palavras-chave: dc.subjectSistemas de inovação-
Palavras-chave: dc.subjectAprendizagem-
Título: dc.titleInovação em serviços no paradigma da economia do aprendizado : a pertinência de uma dimensão espacial na abordagem dos sistemas de inovação-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.