Stress responses of juvenile matrinxã (Brycon amazonicus) after transport in a closed system under different loading densities

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorAbreu, Janessa Sampaio de-
Autor(es): dc.creatorSanabria-Ochoa, Ana Isabel-
Autor(es): dc.creatorGonçalves, Flávio Daolio-
Autor(es): dc.creatorUrbinati, Elisabeth Criscuolo-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T16:36:10Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T16:36:10Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2008-08-01-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782008000500034-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/2713-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/2713-
Descrição: dc.descriptionNeste estudo, foram investigadas as densidades de carga adequadas para transporte de matrinxãs juvenis em sistema fechado com sacos plásticos. O transporte de 4h foi feito com peixes (23,5±0,4g; 11,6 (0,08cm) em jejum por 24h, em densidades de 83g L-1 (D1), 125g L-1 (D2), 168g L-1 (D3) e 206g L-1 (D4). Os peixes foram amostrados antes do transporte (AT), logo após o transporte (chegada) (DT) e 24h depois. A qualidade da água foi monitorada antes da captura dos peixes nos tanques de depuração, após o transporte nos sacos plásticos e nos tanques de recuperação. O oxigênio da água diminuiu para valores inferiores a 4mg L-1 em D2, D3 e D4, a temperatura esteve em torno de 32°C, pH 6,5-6,78, a amônia total foi de 1,09-1,7mg L-1, a amônia não-ionizada foi de 3,58-9,33 x 10³mg L-1 e alcalinidade 134-165mg CaCO3 L-1. O cortisol plasmático e a glicose sanguínea aumentaram após o transporte nos peixes em todas as densidades ensaiadas, voltando aos valores controle 24h depois. Os valores de osmolaridade não mudaram logo após o transporte, mas aumentaram 24h depois de modo igual em todas as densidades. O cloreto plasmático diminuiu na chegada, de modo inversamente proporcional à densidade de carga. O hematócrito diminuiu 24h depois da chegada dos peixes, em todas as densidades testadas, mas não houve diferença no número de eritrócitos. Não houve mortalidade até uma semana após o transporte. O matrinxã mostrou ser uma espécie tolerante a altas densidades de carga em embalagens para transporte além de suportar baixos níveis de oxigênio na água.-
Descrição: dc.descriptionOptimum loading density for the transport of matrinxã juveniles was investigated in a closed system with plastic bags. Transport was conducted for 4 h with fish (23.5± 0.4g and 11.6 (0.08cm) starved for 24h at loading densities of 83g L-1 (D1), 125g L-1 (D2), 168g L-1 (D3) and 206g L-1 (D4). Fish were sampled before transport (BT), after transport (AT) and 24h AT. The water quality was monitored before capturing fish in depuration tanks, after transport in plastic bags and in recovery tanks. Water oxygen decreased to values below 4mg L-1 in D2, D3 and D4, temperature was around 32°C, pH 6.5-6.78, total ammonia 1.09-1.7mg L-1, un-ionized ammonia 3.58-9.33x10³mg L-1 and alkalinity 134-165mg CaCO3 L-1. Blood cortisol and glucose concentrations increased in fish of all densities AT and recovered the BT levels 24h after arrival. Osmolality did not change AT but increased 24h AT in fish of all densities whereas plasma chloride decreased inversely to the loading densities after the procedure. Hematocrit decreased 24h AT in fish of all densities but no differences were verified in the number of erythrocytes. No mortality was registered in any treatment during the next week after transport. Matrinxã demonstrated to be a crowding tolerant-species in transport operations besides tolerating low levels of oxygen in the water.-
Formato: dc.format1413-1417-
Idioma: dc.languageen-
Publicador: dc.publisherUniversidade Federal de Santa Maria (UFSM)-
Relação: dc.relationCiência Rural-
Relação: dc.relation0.525-
Relação: dc.relation0,337-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectestresse-
Palavras-chave: dc.subjectdensidade-
Palavras-chave: dc.subjecttransporte-
Palavras-chave: dc.subjectqualidade da água-
Palavras-chave: dc.subjectBrycon amazonicus-
Palavras-chave: dc.subjectstress-
Palavras-chave: dc.subjectfish density-
Palavras-chave: dc.subjecttransport-
Palavras-chave: dc.subjectwater quality-
Palavras-chave: dc.subjectBrycon amazonicus-
Título: dc.titleStress responses of juvenile matrinxã (Brycon amazonicus) after transport in a closed system under different loading densities-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.