Ação do extrato alcoólico de Baccharis dracunculifolia (Asteraceae) em órgãos de Prochilodus lineatus (curimbatá)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorLima, Jeffesson de Oliveira-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-11T00:58:56Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-11T00:58:56Z-
Data de envio: dc.date.issued2019-01-21-
Data de envio: dc.date.issued2019-01-21-
Data de envio: dc.date.issued2018-12-03-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/180510-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/180510-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Ciências Biológicas (Biologia Celular e Molecular) - IBRC-
Descrição: dc.descriptionA Baccharis dracunculifolia, popularmente conhecida como alecrim do campo, merece destaque por apresentar promissor potencial terapêutico. Os extratos de folhas desta planta são utilizados para tratar distúrbios do fígado e digestivo, dentre outros. Este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos tóxicos do extrato alcoólico de B. dracunculifolia em órgãos de peixes. Dos 60 indivíduos (Prochilodus lineatus), 32 foram utilizados em dois grupos experimentais em duplicatas Controle (ração sem aditivo-alecrim) e Grupo alecrim (ração com aditivo-alecrim). Após o tratamento (21 dias) realizou-se 2 coletas com 14 e 21 dias. As alterações histológicas e histoquímicas foram avaliadas pelo Valor Médio de Alteração (VMA), Índice de Alteração Histológica (IAH) e software ImageJ®. IAH e o VMA mostraram que o extrato causa danos leves no fígado e brânquias, entretanto significativos somente no fígado. A análise histoquímica nas brânquias e rastros branquiais demonstraram o aumento de diferentes tipos de muco substâncias produzidas pelas células mucosas. As análises de muco e histomorfométrica do estômago e da porção mediana do intestino posterior demonstraram um aumento na altura, altura total e largura das vilosidades da porção mediana do intestino posterior e altura total e espessura da camada muscular do estômago. Os resultados evidenciam que a ingestão do extrato da B. dracunculifolia pode promover alterações significativas nas brânquias, fígado, intestino e estômago da espécie estudada.-
Descrição: dc.descriptionBaccharis dracunculifolia, popularly known as field rosemary, deserves to be highlighted because it presents promising therapeutic potential. The leaf extracts of this plant are used to treat liver and digestive disorders, among others. This study aimed to evaluate the toxic effects of alcoholic extract of B. dracunculifolia on fish organs. Of the 60 individuals (Prochilodus lineatus), 32 were used in two experimental groups in duplicates Control (ration without additive-rosemary) and Group rosemary (ration with additive-rosemary). After the treatment (21 days) 2 collections were performed with 14 and 21 days. Histological and histochemical changes were evaluated by the Mean Value of Alteration (MVA), Histological Alteration Index (HAI) and ImageJ® software. HAI and MVA have shown that the extract causes mild damage to the liver and gills, however significant only in the liver. Histochemical analysis in the gills and gill tracts demonstrated the increase of different types of mucus substances by mucosal cells. The analysis of mucus and histomorphometric of the stomach and the medial portion of the posterior intestine demonstrated an increase in height, total height and width of the villi of the mid portion of the posterior intestine and total height and thickness of the muscular layer of the stomach. The results evidenced that the ingestion of the extract of B. dracunculifolia can promote significant alterations in the gills, liver, intestine and stomach of the studied species.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectAsteraceae-
Palavras-chave: dc.subjectTeleósteo-
Palavras-chave: dc.subjectFígado-
Palavras-chave: dc.subjectBrânquias-
Palavras-chave: dc.subjectIntestino-
Palavras-chave: dc.subjectHistologia-
Palavras-chave: dc.subjectHistoquímica-
Palavras-chave: dc.subjectTeleost-
Palavras-chave: dc.subjectLiver-
Palavras-chave: dc.subjectGills-
Palavras-chave: dc.subjectIntestine-
Palavras-chave: dc.subjectHistology-
Palavras-chave: dc.subjectHistochemistry-
Título: dc.titleAção do extrato alcoólico de Baccharis dracunculifolia (Asteraceae) em órgãos de Prochilodus lineatus (curimbatá)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.