A crise da representação e a problemática do financiamento de campanha

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorVaralda, Sabina de Oliveira-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-11T00:58:19Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-11T00:58:19Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-12-19-
Data de envio: dc.date.issued2018-12-19-
Data de envio: dc.date.issued2017-10-30-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/180284-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/180284-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Direito - FCHS-
Descrição: dc.descriptionA democracia contemporânea tem na representação um elemento fundamental para sua concretização e também uma das suas principais formas de efetivação da cidadania. A democracia representativa é garantida pelo Estado por meio de processos eleitorais pautados pela igualdade política de seus cidadãos, no voto direto e secreto, na soberania popular e através da periodicidade das eleições. Contudo, o sistema eleitoral tem algumas peculiaridades que podem gerar distorções no sistema democrático representativo, entre elas se encontra o financiamento de campanhas eleitorais por pessoas jurídicas. Ele propicia o surgimento de deturpações na igualdade política, pois enseja impasses e questionamentos quanto à legitimidade dessas doações e os eventuais interesses implicados. A proposta desta dissertação foi realizar uma discussão da decisão do Superior Tribunal Federal (STF) no Acórdão da ADI 4650, verificando os argumentos contra e a favor do fim do financiamento empresarial, comparando-os com a pesquisa teórica sobre a democracia representativa e as dificuldades enfrentadas pela democracia brasileira. De forma a verificar se o sistema de financiamento de campanhas adotado influencia de fato na qualidade da democracia e quais os caminhos a serem tomados para o fortalecimento democrático do país. A análise foi feita à luz dos fundamentos constitucionais trazidos pelo artigo 1º da Constituição, que prevê entre outros fundamentos, a soberania, a cidadania e o pluralismo político. Além do debate sobre representação e o sistema democrático trazido pela Ciência Política, que complementa o olhar do Direito no trabalho, em uma perspectiva de interdisciplinaridade. O presente estudo teve como propósito mais amplo contribuir com o debate sobre a qualidade da representação a partir da discussão acerca do financiamento empresarial de campanha, e sua possível influência no processo legislativo, perfazendo-se como fundamental para a compreensão da crise da representação.-
Descrição: dc.descriptionContemporary democracy has in the representation a fundamental element for its concretization and also one of its main forms of effective citizenship. Representative democracy is guaranteed by the state through electoral processes based on the political equality of its citizens, in the direct and secret vote, in popular sovereignty and through the periodicity of the elections. However, the electoral system has some peculiarities that can generate distortions in the representative democratic system, among them is the financing of electoral campaigns by corporations. It leads to the emergence of misrepresentations in political equality, since it leads to impasses and questions about the legitimacy of these donations and the eventual interests involved. The purpose of this dissertation was to discuss the decision of the Superior Federal Court (STF) in ADI 4650, verifying the arguments against and in favor of the end of business financing, comparing them with the theoretical research on representative democracy and the difficulties faced by Brazilian democracy. In order to verify if the system of campaign financing adopted influences in fact the quality of democracy and what are the paths to be taken for the democratic strengthening of the country. The analysis was made in light of the constitutional foundations brought by Article 1 of the Constitution, which provides, among other grounds, for sovereignty, citizenship and political pluralism. In addition to the debate on representation and the democratic system brought by Political Science, which complements the view of law in the text, in a perspective of interdisciplinarity. The purpose of the present study was to contribute to the debate on the quality of representation from the discussion about business campaign financing and its possible influence on the legislative process, making it essential to understand the representation crisis.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectDemocracia representativa-
Palavras-chave: dc.subjectCidadania-
Palavras-chave: dc.subjectSufrágio universal-
Palavras-chave: dc.subjectFinanciamento de campanhas-
Palavras-chave: dc.subjectRepresentative democracy-
Palavras-chave: dc.subjectCitizenship-
Palavras-chave: dc.subjectUniversal suffrage-
Palavras-chave: dc.subjectCampaign funding-
Título: dc.titleA crise da representação e a problemática do financiamento de campanha-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.