Experimental Ehrlichia canis infection changes acute-phase proteins

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorMunhoz, Thiago Demarchi-
Autor(es): dc.creatorFaria, Joice Lara Maia-
Autor(es): dc.creatorVargas-Hérnandez, Giovanni-
Autor(es): dc.creatorFagliari, José Jurandir-
Autor(es): dc.creatorSantana, Áureo Evangelista-
Autor(es): dc.creatorMachado, Rosangela Zacarias-
Autor(es): dc.creatorTinucci-Costa, Mirela-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T16:33:52Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T16:33:52Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2012-09-01-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S1984-29612012000300006-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/1735-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/1735-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionProcesso FAPESP: 07/55577-0-
Descrição: dc.descriptionProcesso FAPESP: 07/53552-0-
Descrição: dc.descriptionO diagnóstico precoce da erliquiose canina favorece a pronta instituição do tratamento e melhora o prognóstico do animal, pois se trata de uma doença de alta mortalidade em cães. Estudos têm apontado que a determinação da concentração de proteínas de fase aguda (PFA) pode contribuir para detecção precoce de doenças e auxiliar na predição do prognóstico. O presente estudo objetivou avaliar o perfil de proteínas de fase aguda (PFA) em cães experimentalmente infectados com Ehrlichia canis, no início da infecção e após o tratamento. Além disso, se seria possível associá-las com as alterações clínico-laboratoriais durante o curso da doença. Os resultados obtidos evidenciaram que todas as PFA estudadas alteraram suas concentrações em D3 (dia 3), comparadas ao D0, atingindo concentrações máximas em D18, com exceção da ceruloplasmina e da glicoproteína ácida, cujos picos foram observados em D6 e D12, respectivamente. Concluímos que a avaliação das concentrações de PFA poderiam contribuir para o diagnóstico precoce da erliquiose canina, principalmente com relação à ceruloplasmina e glicoproteína ácida, pois seus aumentos foram anteriores ao aparecimento dos sinais clínicos e das alterações laboratoriais da doença.-
Descrição: dc.descriptionEarly diagnosis of canine ehrlichiosis favors prompt institution of treatment and improves the prognosis for the animal, since this disease causes mortality among dogs. Studies have shown that determining the concentration of acute-phase proteins (APPs) may contribute towards early detection of disease and aid in predicting the prognosis. This study aimed to evaluate the APP profile in dogs experimentally infected with Ehrlichia canis, at the start of the infection and after treatment. It also investigated whether any correlation between APP levels and the clinical and laboratory alterations over the course of the disease would be possible. The results obtained showed abnormal levels of all the APPs on the third day after infection (D3), with the highest levels being reached on D18, with the exception of ceruloplasmin and acid glycoprotein, which presented their peaks on D6 and D12 respectively. We concluded that assessment of APP levels could contribute towards establishing an early diagnosis of canine ehrlichiosis, particularly regarding acid glycoprotein and ceruloplasmin, since these proteins were detected at increased levels even before the onset of clinical and laboratory findings of the disease.-
Formato: dc.format206-212-
Idioma: dc.languageen-
Publicador: dc.publisherColégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária-
Relação: dc.relationRevista Brasileira de Parasitologia Veterinária-
Relação: dc.relation1.090-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectEhrlichia canis-
Palavras-chave: dc.subjectExperimental infection-
Palavras-chave: dc.subjectAcute phase proteins-
Palavras-chave: dc.subjectDog-
Palavras-chave: dc.subjectEhrlichia canis-
Palavras-chave: dc.subjectInfecção experimental-
Palavras-chave: dc.subjectProteína de fase aguda-
Palavras-chave: dc.subjectCão-
Título: dc.titleExperimental Ehrlichia canis infection changes acute-phase proteins-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.