O homem na dança: entre a análise histórica e a análise dos princípios corporais do ballet clássico

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorAraújo, Lucas Henrique Lima de-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:37:53Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:37:53Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-09-19-
Data de envio: dc.date.issued2018-09-19-
Data de envio: dc.date.issued2017-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/156404-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/capelo/2018-03-20/000897413.pdf-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/156404-
Descrição: dc.descriptionEmbora seja cada vez mais frequente encontrar homens na dança, ainda é muito pequeno o número de homens envolvidos com essa prática, quando comparado ao número de mulheres e ainda menor é a quantidade de homens que dançam o ballet clássico. Todavia, para além dos preconceitos que possam justificar essa realidade, é possível observar que na dança, e em especial na técnica clássica, existe a prática de princípios de treinamento corporal frequentemente ligados ao gênero masculino, como por exemplo, o trabalho de força, sem a qual as linhas de graça e beleza clássica não se sustentam durante a dança. Tendo em vista esse contexto, esse presente estudo tem por objetivo analisar a dança clássica, enfatizando os princípios corporais que fundamentam essa técnica e preparam o bailarino tanto na perspectiva cênico-artística, quanto na perspectiva atlética - mais ligada à potencialização das capacidades físicas funcionais. Interessa-nos verificar também como a edificação desta preparação cênico-corporal foi se constituindo no âmbito histórico, o que nos dará indícios para refletir sobre os preconceitos que assombram o homem que dança. Para tanto, será realizado um levantamento bibliográfico na perspectiva de uma análise qualitativa sobre a temática em questão, que dará respaldo para as discussões/reflexões desta pesquisa. Faremos também um levantamento censitário nas academias de dança da cidade de Rio Claro (SP), para saber quantas pessoas, entre crianças, jovens e adultos praticam essa arte. A partir desta estimativa interessa-nos comparar o número de adeptos do sexo masculino com o sexo feminino. Através deste estudo espera-se: enfatizar a importância da técnica clássica na preparação atlética dos bailarinos e seu inegável potencial no desenvolvimento artístico dos mesmos; perceber, na perspectiva histórica, argumentos que ajudam a pensar como foi se constituindo os preconceitos que...-
Formato: dc.format50 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectDança-
Palavras-chave: dc.subjectHomens-
Palavras-chave: dc.subjectBale (Dança)-
Palavras-chave: dc.subjectDança classica-
Palavras-chave: dc.subjectPreconceitos-
Palavras-chave: dc.subjectBailarinos-
Palavras-chave: dc.subjectDança - História-
Palavras-chave: dc.subjectRio Claro (SP)-
Título: dc.titleO homem na dança: entre a análise histórica e a análise dos princípios corporais do ballet clássico-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.