Tempo livre na educação infantil: concepções teóricas e implicações pedagógicas a partir da teoria histórico-cultural

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorPereira, Marcelo Campos-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:28:00Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:28:00Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-03-29-
Data de envio: dc.date.issued2018-03-29-
Data de envio: dc.date.issued2018-02-27-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/153293-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/153293-
Descrição: dc.descriptionNão recebi financiamento-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Educação - FFC-
Descrição: dc.descriptionO desenvolvimento infantil é impulsionado por meio de situações sociais nas quais a atividade da criança é privilegiada, mobilizando nela as ações de pensar, sentir e agir de modo cada vez mais elaborado. Por isso, o trabalho docente em escolas de Educação Infantil envolve a criação de condições objetivas para que ela brinque, se relacione, expresse suas ideias e exteriorize suas aprendizagens, tornando-se, assim, cada vez mais humana. Tais condições exigem a organização dos espaços, da utilização do tempo, dos materiais usados e dos relacionamentos em que a participação ativa da criança atua como elemento principal. Dessa forma, o problema norteador deste trabalho foi: como propor o tempo livre das crianças na Educação Infantil, tendo em vista seu pleno desenvolvimento? Buscando o objetivo geral da presente pesquisa de caracterizar os elementos que compõem o tempo livre na escola de Educação Infantil, foram abordadas questões relativas à gestão do tempo livre pelas crianças e a influência desse tempo para sua humanização sob a ótica da Teoria Histórico-Cultural. Além disso, esta pesquisa teve como objetivo específico discutir as contribuições do tempo livre para o desenvolvimento de capacidades humanas, em especial, a apropriação do autocontrole da conduta pela criança. A hipótese que norteou o estudo foi a de que o tempo livre na Educação Infantil possibilita à criança vivências que promovam o seu desenvolvimento humano. Com abordagem qualitativa, a pesquisa de tipo exploratória envolveu revisão bibliográfica em diversas fontes digitais para conhecimento da produção na área, entrevistas semiestruturadas com professoras e coordenadoras, e a observação de vivências do tempo livre propostas às crianças de quatro e cinco anos, em duas escolas municipais. Da análise de fundamentos teóricos derivaram implicações pedagógicas, tais como a possibilidade do tempo livre promover o exercício de diferentes capacidades humanas nas crianças e o acesso à cultura mais elaborada a fim de motivar, nos docentes, reflexões sobre o valor do tempo livre intencionalmente organizado para a formação e o desenvolvimento integral das crianças. As análises apontaram a necessidade de o professor reconhecer, no processo de desenvolvimento infantil, a importância do tempo livre para o protagonismo das crianças, promovendo propostas capazes de desenvolver e exercitar habilidades humanas fundamentais, tais como: a capacidade de escolher, de tomar decisões, de planejar, de buscar soluções e de trabalhar de forma colaborativa, gradativamente exercitando e apropriando-se do autocontrole em sua conduta.-
Descrição: dc.descriptionChild development is achieved by means of social situations in which the child's activity is privileged, mobilizing her actions to think, feel and act in an increasingly elaborate way. For this reason, the *teacher`s work in a early childhood Education involves creating of objective conditions for children to play, to relate, to express ideas, to externalize learning, thus becoming more and more human. Such conditions require the organization of spaces, the use of time, materials used and relationships in which active participation of the child acts as the main element. Thus, the guiding problem of this work was: how to propose children's free time in Early Childhood Education, with a view to their full development? Seeking the general objective of the present research to characterize the elements that make up the free time in the School of Infant Education, questions were approached regarding the management of free time by the children and the influence of this time for their humanization from the perspective of Historical-Cultural Theory. In addition, this research had the specific objective of discussing the contributions of free time to the development of human capacities, in particular, the appropriation of the child's self-control of behavior. The hypothesis that guided the study was that the free time in Early Childhood Education enables children to experience their human development. With a qualitative approach, the exploratory research involved a bibliographical review in several digital sources for knowledge of the production in the area, semi-structured interviews with teachers and coordinators, and the observation of free time experiences offered to children of 4 and 5 years of age in two municipal schools. From the analysis of theoretical foundations derived pedagogical implications, such as the possibility of free time promoting the exercise of different human capacities in children and access to the more elaborate culture in order to motivate, in the teachers, reflections on the value of free time intentionally organized for training and development of children. The analyzes pointed out the need for the teacher to recognize in the process of child development the importance of free time for children to play a role, promoting proposals capable of developing and exercising fundamental human skills such as: the ability to choose, to plan, to seek solutions and to work collaboratively, gradually exercising and appropriating self-control in their conduct.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectEducação-
Palavras-chave: dc.subjectEducação infantil-
Palavras-chave: dc.subjectTempo livre-
Palavras-chave: dc.subjectAutocontrole da conduta-
Palavras-chave: dc.subjectImplicações pedagógicas-
Palavras-chave: dc.subjectTeoria histórico-cultural-
Palavras-chave: dc.subjectEducation-
Palavras-chave: dc.subjectChild education-
Palavras-chave: dc.subjectFree time-
Palavras-chave: dc.subjectConduct self-control-
Palavras-chave: dc.subjectPedagogical implications-
Palavras-chave: dc.subjectHistorical-cultural theory-
Título: dc.titleTempo livre na educação infantil: concepções teóricas e implicações pedagógicas a partir da teoria histórico-cultural-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.