Diagnóstico ambiental da bacia hidrográfica do ribeirão Pederneiras – Pederneiras/SP

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorGarcia, Yara Manfrin-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:19:34Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:19:34Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-06-13-
Data de envio: dc.date.issued2017-06-13-
Data de envio: dc.date.issued2017-04-13-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/150881-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/150881-
Descrição: dc.descriptionConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)-
Descrição: dc.descriptionCNPq: 140300/2014-7-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA-
Descrição: dc.descriptionO diagnóstico ambiental é a interpretação da situação ambiental com base na interação e dinâmica dos componentes relacionados ao meio físico. Constitui uma etapa fundamental no processo de gestão ambiental já que possibilita identificar os problemas e propor soluções sendo considerado assim, uma forma de planejamento ambiental. Nesse sentido, esta pesquisa teve como objetivo realizar o diagnóstico ambiental do meio físico da bacia hidrográfica do ribeirão Pederneiras, localizada nos municípios de Agudos e Pederneiras, no estado de São Paulo. Os procedimentos metodológicos foram baseados na estruturação de um banco de dados digital em ambiente de Sistema de Informação Geográfica visando à elaboração, atualização, interação e confecção dos mapas. A bacia hidrográfica do ribeirão Pederneiras possui uma área de 14918,28 ha e perímetro de 67,46 km, sendo considerada de 4ª ordem, com formato oblonga que indica baixa tendência a enchentes e baixa declividade. Com base nos resultados pode-se afirmar que a área é praticamente agrícola, dentre as doze classes de uso e ocupação do solo, a canade- açúcar é a cultura predominante com 6286,22 ha, seguido pelo reflorestamento com 5605,56 ha e, mesmo assim, merece destaque a área urbana que é de 1117,67 ha. Quanto as Áreas de Preservação Permanente, estas vêm sendo ocupadas inadequadamente e tem causado diversos problemas ambientais como, por exemplo, enchentes, assoreamentos e poluição dos cursos d’água, impermeabilização do solo, entre outros. Desta forma, com base nos resultados expostos, conclui-se a necessidade de medidas minimizadoras de problemas ambientais para a área urbana e rural e que tenham como base planos de ações e de controle desenvolvidos para nortear a aplicabilidade e fiscalização nessas áreas. Pretende-se que esse diagnóstico ambiental possa subsidiar o planejamento desta bacia hidrográfica pelo poder público e órgãos gestores.-
Descrição: dc.descriptionEnvironmental diagnosis is the interpretation of the environmental situation based on the interaction and dynamics of the components related to the physical environment. Is a fundamental step in the process of environmental management since it makes possible to identify the problems and propose solutions being considered, therefore, a form of environmental planning. In this sense, this research aimed to carry out the environmental diagnosis of the physical environment of the Pederneiras hydrographic basin, located in Agudos and Pederneiras towns, in São Paulo State. The methodological procedures were based on the structuring of a digital database in a Geographic Information System Environment, aiming the elaboration, updating, interaction and preparation of the maps. The hydrographic basin area of the Pederneiras stream has an area of 14918,28 ha and a perimeter of 67,46 km, being considered of 4th order, with oblong format indicating low tendency to floods and low slope. Based on the results, it can be stated that the area is practically agricultural, among the twelve classes of land use and occupation, sugar cane is the predominant crop, with 6286,22 ha, followed by reforestation with 5605,56 ha and, even so, it is worth mentioning the urban area that is 1117, 67 ha. As for Permanent Preservation Areas, these have been inadequately occupied and this has caused several environmental problems, such as flooding, silting and pollution of watercourses, soil sealing, among others. In this way, based on the results presented, it is concluded that there is a need for minimizing environmental problems for the urban and rural areas and based on action and control plans developed to guide the applicability and supervision in these areas. it is intended that this environmental diagnosis can subsidize this hydrographic basin planning, by the public power and management organs.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectPlanejamento ambiental-
Palavras-chave: dc.subjectGeoprocessamento-
Palavras-chave: dc.subjectAnálise morfométrica-
Palavras-chave: dc.subjectEnvironmental planning-
Palavras-chave: dc.subjectGeoprocessing-
Palavras-chave: dc.subjectMorphometric analysis-
Título: dc.titleDiagnóstico ambiental da bacia hidrográfica do ribeirão Pederneiras – Pederneiras/SP-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.