Reconstrução orbitária com implantes Medpor®: estudo histomorfológico e imunohistoquímico

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorFerreira, Ana Carulina Rezende de Moraes-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:18:45Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:18:45Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-05-05-
Data de envio: dc.date.issued2017-05-05-
Data de envio: dc.date.issued2017-03-08-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/150532-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/150532-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Odontologia - FOA-
Descrição: dc.descriptionEntre os materiais aloplásticos, o Medpor® apresentou um aumento consideravel no uso de 17% a 30%, portanto o objetivo desse trabalho foi avaliar a utilização do Medpor® na reconstrução do assoalho orbitário. Foram utilizados 18 ratos que sofreram trauma cirúrgico no assoalho orbitário, simulando uma fratura tipo "blow-out". O lado direito do animal recebeu implante de Medpor® e o lado esquerdo não recebeu qualquer tipo de material. Nos períodos de 15, 40 e 90 dias foram realizadas as eutanásias e obtenção das peças para processamento histológico e imunohistoquímico. Os cortes obtidos foram corados com hematoxilina e eosina, tricrômico de Masson e marcação imunohistoquímica nos períodos de 15, 40 e 90 dias com a osteocalcina e RUNX2. O processo de reparo no lado controle finalizou com neoformação óssea aos 40 dias e perda do contorno ósseo inicial, criando um defeito no assoalho de órbita. O grupo tratado mostrou prevalência de tecido conjuntivo em contato com o implante de Medpor®, tanto em sua periferia quanto no seu interior. Não houve processo inflamatório intenso e ou agudo junto ao material. A imunomarcação mostrou escores intensos de OC após 15 dias de pós- operatórios e manteve expressão moderada após 40 e 90 dias pós-operatório, a RUNX2 foi moderadamente expressa em todos os períodos avaliados. Concluimos que o polietileno poroso (Medpor®) é um biomaterial bionert seguro e eficaz, a sua presença levou ao reparo ósseo local e compensou a ausência de tecido ósseo na sustentação do globo ocular.-
Descrição: dc.descriptionThe aim of this research was to assessed histological and immunohistochemi cal properties in the use of porous polyethylene (Medpor®) for orbital floor reconstruction. Under general anesthesia 18 male rats (Rattus, norvegicus, albinus, Wistar) underwent bilateral surgical defect, simulating blowout fracture and infraorbital rim. Groups were divided as follow: GI control group and GII surgical defects were reconstructed with Medpor®. After 15, 40, and 90 days animals were euthanized with anesthetic overdose. Orbital specimens were laboratorial process, coronal slices were stained in Hematoxylin and Eosin and Masson trichrome. Immunohistochemical assess of osteocalcin (OC) and Corebinding factor alpha1 (Cbfa1) were performed. Bone repair at the control group was achieved after 40 days with loss of the orbital rim and lack of ocular support. Immunolabeling showed intense scores of OC after 15 days post-operative and maintain moderate expression after 40 and 90 days postoperative, Cbfa1 was moderately express within all the periods evaluated. Medpor® group showed fibrous tissue in contact with the implant in the inner and outer surface, without newbone formation and without intense inflammatory infiltrate nearby the biomaterial, the Medpor® gave enough support for the ocularglobe.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectÓrbita-
Palavras-chave: dc.subjectFraturas blow-out-
Palavras-chave: dc.subjectPolietileno de alta densidade-
Título: dc.titleReconstrução orbitária com implantes Medpor®: estudo histomorfológico e imunohistoquímico-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.