Adaptação do conteúdo do Nursing Activities Score (NAS) para mensuração da carga de trabalho com pacientes oncológicos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorSilva, Tatiane Catleia Melo dos Santos e-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:17:49Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:17:49Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-04-17-
Data de envio: dc.date.issued2017-04-17-
Data de envio: dc.date.issued2017-02-10-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/150231-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/150231-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Enfermagem - FMB-
Descrição: dc.descriptionO câncer é um problema de saúde pública no mundo e no Brasil devido à sua elevada incidência, prevalência e mortalidade. Além dos fatores biológicos, sociais, espirituais e econômicos que influenciam a qualidade de vida dos sujeitos portadores da doença durante a provisão dos cuidados de saúde realizados pela equipe de enfermagem, há a necessidade de quantificar o número de profissionais necessários para prestar assistência com qualidade e segurança a esses pacientes. Para isso, faz-se necessária a mensuração da carga de trabalho executada pela equipe de enfermagem que presta cuidados especializados. Objetivo: Adaptar o conteúdo do instrumento Nursing Activities Score (NAS) para assistência de pacientes oncológicos em nível hospitalar. Método: Pesquisa metodológica que, de acordo com a Técnica Delphi, visa validar conteúdos por meio de um consenso de especialistas. Resultados: Foi adaptado o conteúdo do instrumento Nursing Activities Score (NAS), que é capaz de medir as necessidades de cuidados de enfermagem de pacientes oncológicos. Foram necessárias duas rodadas para opinião dos especialistas, os quais acrescentaram contribuições de conteúdo sem modificar a estrutura e pontuação do instrumento original. O nível de concordância variou de 71 a 86%, sendo que os fatores biológicos e assistenciais receberam mais sugestões: Monitorização e Controles, Investigações Laboratoriais, Suporte e Cuidados aos Familiares e Pacientes, Reposição intravenosa, Suporte Renal, Atividades Gerenciais. Conclusão: Foi diagnosticado alto nível de complexidade do paciente oncológico, demanda de cuidados assistenciais e biopsicossociais espirituais. Este instrumento possibilitará a mensuração da carga de trabalho da equipe de enfermagem em Oncologia, o que facilitará o dimensionamento de pessoal.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectCâncer-
Palavras-chave: dc.subjectCarga de trabalho-
Palavras-chave: dc.subjectEnfermagem oncológica-
Palavras-chave: dc.subjectCuidados de enfermagem-
Título: dc.titleAdaptação do conteúdo do Nursing Activities Score (NAS) para mensuração da carga de trabalho com pacientes oncológicos-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.