Uso de sistema de informações geográficas (SIG) aplicado ao programa de saúde da família: USF - Parque Mãe Preta, Rio Claro (SP)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorMoraes, Isabel Cristina-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:16:33Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:16:33Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-03-14-
Data de envio: dc.date.issued2017-03-14-
Data de envio: dc.date.issued2010-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/149726-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://www.athena.biblioteca.unesp.br/exlibris/bd/capelo/2017-01-12/000629497.pdf-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/149726-
Descrição: dc.descriptionO presente trabalho tem por objetivo o uso de geotecnologias de Sistema de Informações Geográficas (SIG) como ferramenta de análise espacial aplicada à gestão do serviço de atenção básica no contexto do Programa de Saúde da Família (PSF). Esta pesquisa se desenvolve com o tratamento dos dados do PSF em ambiente de SIG, para a estruturação e implementação de um banco de dados geo-referenciado, gerando um Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados Geo-relacional (SGBDG). Neste estudo, realizou-se um mapeamento das condições de saúde das famílias atendidas pela Unidade de Saúde da Família (USF) - Parque Mãe Preta, no município de Rio Claro (SP). A integração do Modelo de Gerenciamento de Banco de Dados (MGBD) da USF - Parque Mãe Preta à base cartográfica de sua área de abrangência, possibilitou a elaboração de material cartográfico para análise espacial da distribuição das ocorrências registradas em 2008 nesta USF. Esta pesquisa visa à produção de informações espaciais utilizando técnicas de geoprocessamento para suporte a serviços e formulação de políticas de saúde de atenção básica através do tratamento de informações de uma área atendida pelo Programa de Saúde da Família (PSF). Os mapas digitais devem contribuir na gestão e planejamento do atendimento realizado pelos agentes de saúde às famílias. Os resultados gerados apresentam informações espaciais que subsidiam a implantação de ações de controle e prevenção de doenças, bem como um modelo de assistência à saúde pública de forma ágil e consistente.-
Formato: dc.format49 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectGeografia - Programas de computador-
Palavras-chave: dc.subjectSaúde pública-
Palavras-chave: dc.subjectPrograma Saúde da Família (Brasil)-
Título: dc.titleUso de sistema de informações geográficas (SIG) aplicado ao programa de saúde da família: USF - Parque Mãe Preta, Rio Claro (SP)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.