A educação da infância nos municípios: ações para um atendimento de qualidade

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorGuimarães, Célia Maria-
Autor(es): dc.creatorFerreira, Bruna Omito-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:07:01Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:07:01Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2017-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2013-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://www.inscricoes.fmb.unesp.br/publicacao.asp?codTrabalho=OTAyNA==-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/146949-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/146949-
Descrição: dc.descriptionIntrodução: O projeto (Des)Caminhos da educação da infância na região de Presidente Prudente: políticas necessárias para um atendimento de qualidade funciona no domínio das ações do Fórum Regional Permanente de Educação da Infância (FORPEDI), sob a anuência da União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME). Conta com alunos do curso de Pedagogia e do PPGE da FCT/UNESP. Desde a LDBEN nº 9394/96, os municípios convivem com a exigência/necessidade da formação mínima docente, da organização do plano de carreira dos profissionais, como também enfrentam o desafio da elaboração e execução de projetos de formação continuada, da construção de um projeto pedagógico específico para educação infantil etc.. Nascimento (2011) afirma que a formação e a valorização dos profissionais são aspectos que promovem parte das condições para a ocorrência de atendimento mais adequado à pequena infância, alertando que a qualidade dos serviços prestados às crianças está na dependência de profissionais bem formados. Pela via da formação continuada de gestores de creches (0-3anos) de 26 dos 32 municípios dos pólos regionais da UNDIME de Pres. Pte. e Pres. Epitácio o projeto tem objetivado em sua 1ª. etapa (2011-14): a definição de políticas públicas de atendimento infantil que elevem o nível da qualidade do atendimento à criança e à infância; deliberar sobre orientações pedagógicas e curriculares de acordo com critérios de qualidade do atendimento em creches; investigar ações de formação de profissionais das creches, desenvolvê-las e expandi-las a outras regiões do estado de São Paulo. A atividade extensionista se vale dos procedimentos da pesquisa colaborativa (BORTONI-RICARDO, 2008; GIOVANI, 1998), modalidade de investigação qualitativa em que profissionais da educação e pesquisadores assumem, conjuntamente, a responsabilidade de problematizar, refletir e transformar as práticas vigentes. Tem potencial para favorecer o desenvolvimento profissional e a ação no campo das políticas públicas educacionais. Pretende-se que as ações propostas qualifiquem o atendimento infantil e que a cultura da reflexão seja uma marca da ação junto aos participantes e destes no âmbito municipal. Para isso, ocorrem encontros mensais de 8h/a e ações que são desenvolvidas nas secretarias de educação de cada município. Resultados: O grupo cresceu de 59 para 85 participantes entre 2011-13. O documento "Pressupostos para o trabalho com crianças atendidas em nossas creches", aprovado em dezembro-12, fundamenta a política de atendimento dos municípios. Resultados mais dilatados e visíveis se encontram na dependência de financiamento adequado e numero suficiente de bolsistas envolvidos, dada à dimensão e complexidade dos objetivos e ações propostas.-
Formato: dc.format09024-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Relação: dc.relationCongresso de Extensão Universitária-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectCreche-
Palavras-chave: dc.subjectPolíticas públicas-
Palavras-chave: dc.subjectFormação continuada-
Palavras-chave: dc.subjectGestor-
Palavras-chave: dc.subjectPesquisa colaborativa-
Título: dc.titleA educação da infância nos municípios: ações para um atendimento de qualidade-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.