Acompanhamento, controle e avaliação dos resíduos de serviços de saúde do complexo HC/FMB de Botucatu

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorSantiago, Laísa Duarte-
Autor(es): dc.creatorPopim, Regina Célia-
Autor(es): dc.creatorSilva, Nathalia de Lima-
Autor(es): dc.creatorAlcântara, Caroline Maria Pereira-
Autor(es): dc.creatorGiansante, Thais-
Autor(es): dc.creatorBueno, Carina Grespi-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:06:33Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:06:33Z-
Data de envio: dc.date.issued2017-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2017-01-02-
Data de envio: dc.date.issued2013-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://www.inscricoes.fmb.unesp.br/publicacao.asp?codTrabalho=MTIyMDI=-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/146774-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/146774-
Descrição: dc.descriptionIntrodução: Resíduos de Serviço de Saúde (RSS) foram definidos como todos resultantes de atividades relacionadas ao atendimento à saúde, humana e animal. O descarte inadequado causa condições ambientais perigosas favorecendo disseminação e ou modificação desses agentes no ambiente, comprometendo recursos naturais e qualidade de vida das atuais e futuras gerações. Segundo IBGE, 18 a 64% dos serviços de saúde não utilizam métodos de disposição adequados para os RSS e 80% do lixo é depositados em lixões. Legislações específicas foram criadas tendo como eixo sustentabilidade e preservação da saúde. Todos os gestores devem elaborar Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviço de Saúde (PGRSS), objetivando minimizar produção e proporcionar encaminhamento seguro. A FMB conta com o há 10 anos. Objetivos: Avaliar resultados obtidos após 10 anos de implantação do PGRSS na FMB - UNESP, o gerenciamento, coleta seletiva e resíduos químicos, realizando caracterização, classificação e quantificação dos RSS de acordo com legislações vigentes. Estabelecer taxa de geração de RSS (kg/leito/dia), verificar indicadores e sensibilizar profissionais sobre o tema, garantindo a implantação e implementação do PGRSS fortalecendo as ações. Metodologia: Quantificação anual dos resíduos, quanto à classificação, A a E (grupo A: resíduos com risco biológico; grupo B: resíduos com risco químico; grupo C: resíduos com radionuclídeos; grupo D: resíduo comum (embalagens, seringas sem agulha não contaminada,etc); grupo E: materiais pérfuro-cortantes, estimando valor diário e mensal, em setembro de 1998 até 2012, por sete dias consecutivos. Realizados treinamentos, palestras sobre coleta seletiva e descarte de resíduos químicos, orientação quanto à segregação, descarte, acondicionamento, transporte, destino final e fluxograma dos resíduos. Resultados: Em 1.998 a FMB produziu aproximadamente 52.708 kg/mês, sendo: 29.305 kg/mês grupo A; 45 kg/mês grupo B; 9 kg/mês grupo C e 23.349 kg/mês grupo D. Em 2012 o total foi 71.894 RRS kg/mês: 47.436 grupo A e E, 1.800 kg/mês grupo B, 7 kg/mês grupo C, 15.763 grupo D e reciclado 8.695 kg/mês. O total de resíduos gerados no HC/F.M.B. aproxima-se do descrito na literatura. Indicadores 2012: TRSS: Taxa Resíduos de Serviços de Saúde perigosos 66,68%, TRSSC: Taxa Resíduos dos Serviços de Saúde Infectante 64,36%, VR: Variação da proporção de reciclagem 11,79%. Conclusão: O correto gerenciamento dos RSS é fundamental para neutralizar riscos a saúde da população e meio ambiente; ainda faltam atitudes conscientes e participação ativa dos profissionais, visando redução dos resíduos gerados, coleta seletiva e economia. Desafios e dificuldades: Conscientização da importância do tema entre os profissionais, e que estes se tornem mais participativos.-
Formato: dc.format12202-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Relação: dc.relationCongresso de Extensão Universitária-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectGerenciamento dos resíduos de serviços de saúde-
Título: dc.titleAcompanhamento, controle e avaliação dos resíduos de serviços de saúde do complexo HC/FMB de Botucatu-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.