Análise retrospectiva de exames sorológicos de leptospirose animal executados no Laboratório de Leptospirose e Brucelose da Unesp, câmpus Jaboticabal, de 2007 a 2015

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorFurquim, Maria Eduarda Chiaradia-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T23:06:16Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T23:06:16Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-12-15-
Data de envio: dc.date.issued2016-12-15-
Data de envio: dc.date.issued2016-11-18-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/146687-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/146687-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Medicina Veterinária - FCAV-
Descrição: dc.descriptionCom o intuito avaliar a frequência de aglutinas anti-Leptospira dentre as amostras analisadas no Laboratório de Brucelose e Leptospirose da Unesp, Câmpus Jaboticabal, realizou- se uma investigação retrospectiva dos resultados de exames sorológicos para diagnóstico de leptospirose entre os anos de 2007 e 2015. Neste período foram recebidas 24.483 amostras bovinas, 1.855 amostras equinas, 819 amostras caninas, 532 amostras ovinas, 230 amostras caprinas e 123 amostras suínas. As amostras bovinas provinham de 21 estados brasileiros e a frequência de reagentes foi de 35,30% (IC 95%: 34,70% - 35,90%), sendo o sorogrupo Sejroe o mais relevante. Das amostras caninas, a maioria foi originaria do Estado de São Paulo e a frequência de amostras reagentes foi de 23,93% (IC 95%: 21,01% - 26,85%), sendo o sorogrupo Canicola o mais relevante. Nos equinos, a frequência de amostras reagentes encontrada foi de 46,95% (IC 95%: 44,68% - 49,23%), sendo o sorogrupo Icterohaemorrhagiae o mais importante nesta espécie. A frequência de reagentes encontrada nas amostras das espécies ovina, caprina e suína foi 7,32% (IC 95%: 5,12% - 9,55%), 1,30% (IC 95%: 0,0044% - 3,764%) e 6,03% (IC 95%: 1,70% - 10,37%), respectivamente, e o sorogrupo de maior ocorrência nesses animais foi Icterohaemorrhagiae. Tais resultados permitem confirmar o caráter endêmico da leptospirose em território brasileiro, bem como evidenciar a importância dos hospedeiros de manutenção do agente na disseminação da doença.-
Descrição: dc.descriptionIn order to evaluate the frequency of anti-Leptospira agglutinins among the samples analyzed in the Leptospirosis and Brucellosis Laboratory, Unesp, Jaboticabal Campus, a retrospective investigation of the results of serological tests for leptospirosis between the years 2007 and 2015 was performed. During this period, 24,483 bovine samples, 1,855 equine samples, 819 canine samples, 532 sheep samples, 230 goats samples and 123 swine samples were received. Bovine samples came from 21 Brazilian states and the frequency of reactors was 35.30% (95% CI: 34.70% - 35.90%) and serogroup Sejroe was the most relevant. Of canine samples, most were originally from the state of São Paulo and the frequency of reacting samples was 23.93% (95% CI: 21.01% - 26.85%), the serogroup Canicola was the most relevant. In horses, the frequency of reagent samples was found to be 46.95% (95% CI: 44.68% - 49.23%), the serogroup Icterohaemorrhagiae was the most important in this species. The frequency of reactors among of sheep, goats and swine samples was 7.32% (95% CI: 5.12% - 9.55%), 1.30% (95% CI: 0.0044% - 3.764%) and 6.03% (95% CI: 1.70% - 10.37%), respectively, and the serogroup most frequent in these animals was Icterohaemorrhagiae. These results confirm the endemicity of leptospirosis in Brazil, as well as highlight the importance of the agent maintenance hosts in the dissemination of the disease.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectLeptospira spp.-
Palavras-chave: dc.subjectTeste de soroaglutinação microscópica (MAT)-
Palavras-chave: dc.subjectEpidemiologia-
Palavras-chave: dc.subjectMicroscopic Agglutination Test (MAT)-
Palavras-chave: dc.subjectEpidemiology-
Título: dc.titleAnálise retrospectiva de exames sorológicos de leptospirose animal executados no Laboratório de Leptospirose e Brucelose da Unesp, câmpus Jaboticabal, de 2007 a 2015-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.