Um estudo histórico no campo das articulações entre psicanálise e educação no Brasil: segunda metade do século XX

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorBarros, Juliana Fernanda de-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T22:57:21Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T22:57:21Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-08-31-
Data de envio: dc.date.issued2016-08-31-
Data de envio: dc.date.issued2016-07-21-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/143494-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/143494-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Psicologia - FCLAS-
Descrição: dc.descriptionConsiderando a afirmação de alguns autores de que a psicanálise e a educação viveram um período bastante promissor até o início da década de 1950, experimentando, após essa fase, um momento de maior estagnação no Brasil até a década de 1980, o presente estudo tem por objetivo investigar a inserção e apropriação da psicanálise no contexto educacional brasileiro a partir da segunda metade do século XX (1950 a 2000), a fim de conhecer o que foi produzido nesse campo. Para a execução de tal objetivo, iniciou-se a investigação mediante levantamento e revisão bibliográfica dos trabalhos produzidos neste período e, posteriormente, um estudo histórico baseado no método da Abordagem Contextual, para compreender o contexto no qual esses textos foram produzidos e as transformações ocorridas na relação entre esses dois campos, ao longo dos anos. Deste percurso, foram localizados 64 artigos que documentaram as contribuições da psicanálise na educação, os quais foram classificados em cinco eixos temáticos, a saber: Eixo 1 - Psicologização da psicanálise na educação; Eixo 2 - As contribuições de Freud e de outros autores a respeito da educação e o papel da psicanálise na educação/instituição escolar; Eixo 3 - Subjetividade e Formação de professores em uma perspectiva psicanalítica; Eixo 4 - Transferência no campo educativo e a relação professor-aluno e saber; e Eixo 5 - Psicanálise e educação inclusiva/terapêutica. A leitura, a classificação dos artigos em eixo temáticos e as demais análises realizadas permitiram identificar que a psicanálise se fez presente no meio educacional, na segunda metade do século XX, em dois períodos. O primeiro, de 1950 a 1980, marcado por um longo percurso de estagnação em torno das produções brasileiras entre psicanálise e educação, em detrimento do investimento clínico, reconhecimento da profissão e início das discussões sobre a psicologização da pedagogia. E o segundo período, de 1990 a 2000, com a retomada e redefinição do que viria a ser uma contribuição da psicanálise ao contexto educacional e um olhar para a importância do aspecto relacional e transferencial entre aluno e professor. A realização de uma investigação histórica para compreender essa oscilação de produções em função do contexto vivido torna-se oportuna, e mesmo necessária, pois o modo como ocorreu a apropriação da psicanálise pela educação marca a relação entre esses dois campos e fornece elementos para a análise do contexto da educação atual.-
Descrição: dc.descriptionTaking into account statements made by some authors that psychoanalysis and education shared a very promising period up to the early 1950s, and after that phase they went through a stagnation period in Brazil up to the 1980s, this study was carried out to investigate the insertion and appropriation of psychoanalysis within the Brazilian educational context from the second half of the 20th century on (from 1950 to 2000), in order to learn about what has been worked out in that field. To carry it out, one started investigating by undertaking bibliographical survey on works accomplished in that period and, afterwards, on a historical study based on the Contextual Approach method, in order to understand the context within which such texts were written and the changes occurred in the relationship between both fields of knowledge throughout the years. Within that period 64 papers were found out bringing evidence of the contributions made by psychoanalysis to education, classifying them into five thematic axes, namely: Axis 1 - Psychologization of psychoanalysis in education; Axis 2 - Contributions made by Freud and other authors concerning education and the role played by psychoanalysis in education/schools; Axis 3 - Subjectivity and teachers’ background development within a psychoanalytic perspective; Axis 4 - Transfer in education and the relationship between teacher-student and knowledge, and Axis 5 - Psychoanalysis and inclusive/therapeutic education. The reading, the classification of those papers into thematic axes and further analyses we have made allowed us to find out that psychoanalysis actually made itself present within the educational field, in the second half of the 20th century, along two specific periods. The first one, form 1950 to 1980, marked by a long stagnation concerning Brazilian works featuring psychoanalysis and education, in detriment of clinical investment, professional recognition and the beginning of discussions on the psychologization of pedagogy. The second one, from 1990 to 2000, characterized by retaking and redefining the so called contribution of psychoanalysis to the educational context and an assessment of the importance of the relation and transference feature between student and teacher. The accomplishment of a historical investigation in order to understand that variation of production on account of the experienced context seems to be suitable, and even necessary, since the way how the appropriation of psychoanalysis by education marks the relationship between those two fields an provides bases for the analysis of the current educational context.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectPsicanálise-
Palavras-chave: dc.subjectEducação-
Palavras-chave: dc.subjectHistoriografia-
Palavras-chave: dc.subjectPsychoanalysis-
Palavras-chave: dc.subjectEducation-
Palavras-chave: dc.subjectHistoriography-
Título: dc.titleUm estudo histórico no campo das articulações entre psicanálise e educação no Brasil: segunda metade do século XX-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.