Nematoides das galhas em áreas de cultivo de olerícolas no estado de São Paulo

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorRosa, Juliana Magrinelli Osório-
Autor(es): dc.creatorWesterich, Juliana Nogueira-
Autor(es): dc.creatorWilcken, Silvia Renata Siciliano-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T22:50:54Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T22:50:54Z-
Data de envio: dc.date.issued2016-07-07-
Data de envio: dc.date.issued2016-07-07-
Data de envio: dc.date.issued2013-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://docentes.esalq.usp.br/sbn/nbonline/ol%203712.html-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/141143-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/141143-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionThis study aimed to identify the Meloidogyne species on vegetable crops from São Paulo State, Brazil. A nematological survey was conducted in 32 farms in Arealva, Bauru, Botucatu, Manduri, Pirajuí, São Manuel and Taguaí. At each farm three subsamples were taken in different areas to comprise one soil and one root sample. The Meloidogyne species identification was done by both morphological (perineal) and biochemical analyses (esterase pattern). In Botucatu, the following species were detected: M. javanica, M. incognita and M. hapla; in Arealva, Bauru and São Manuel, M.incognita; in Taguaí, M. incognita and M. javanica; in Pirajuí, M. enterolobii; and in Manduri, M. enterolobii, M. javanica and M. incognita. The most frequently occurring species was M. incognita detected on 70 % of positive samples, followed by M. javanica (27 %), Meloidogyne sp1 (9 %), M. hapla (9 %) and M. enterolobii (7%).-
Descrição: dc.descriptionO presente trabalho foi desenvolvido visando à identificação de espécies de Meloidogyne em áreas de cultivo de olerícolas da região central do estado de São Paulo. Levantamentos nematológicos foram realizados em 25 propriedades no município de Botucatu (SP) e em sete nos municípios de Arealva, Bauru, Manduri, Pirajuí, São Manuel e Taguaí. Em cada propriedade foram amostradas diferentes áreas de cultivos, sendo retiradas três subamostras para compor uma amostra de solo e raiz. A identificação das espécies foi realizada pela análise morfológica (perineal) e bioquímica (padrão de esterase) das fêmeas. No município de Botucatu, as espécies identificadas foram M. javanica, M. incognita e M. hapla; enquanto que M. incognita foi relatada em Arealva, Bauru e São Manuel; M. incognita e M. javanica em Taguaí; e em Pirajuí e Manduri foram identificadas M. enterolobii, sendo neste último município identificadas também as espécies M. javanica e M. incognita. A espécie mais frequente foi M. incognita (presente em 70% das amostras positivas), seguido de 27% de M. javanica, 9% de Meloidogyne sp., 9% com M. hapla e 7% de M. enterolobii.-
Formato: dc.format15-19-
Idioma: dc.languagept_BR-
Relação: dc.relationNematologia Brasileira-
Direitos: dc.rightsclosedAccess-
Palavras-chave: dc.subjectMeloidogyne-
Palavras-chave: dc.subjectSurvey-
Palavras-chave: dc.subjectGeographical distribution-
Palavras-chave: dc.subjectMeloidogyne-
Palavras-chave: dc.subjectLevantamento-
Palavras-chave: dc.subjectDistribuição geográfica-
Título: dc.titleNematoides das galhas em áreas de cultivo de olerícolas no estado de São Paulo-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.