Efeitos antinociceptivos e sedativos da buprenorfina, da acepromazina ou da associação buprenorfina e acepromazina em gatos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorSantana, Luciana Alvarez-
Autor(es): dc.creatorLuna, Stélio Pacca Loureiro-
Autor(es): dc.creatorSteagall, Paulo Vinicius Mortensen-
Autor(es): dc.creatorFerreira, Tatiana Henriques-
Autor(es): dc.creatorTaylor, Polly-
Autor(es): dc.creatorDixon, Mike-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T16:59:53Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T16:59:53Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2010-10-01-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0103-84782010005000172-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/13520-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/13520-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionO efeito antinociceptivo da buprenorfina tem sido relatado em cães e gatos. No presente estudo, avaliou-se o limiar nociceptivo mecânico em felinos tratados com buprenorfina, acepromazina ou ambas associadas e foram comparados os efeitos antinociceptivos e sedativos da associação em relação ao uso isolado desses fármacos determinados pelo mesmo observador, por meio de analgesiômetro e da escala analógica visual dinâmica interativa (DIVAS), respectivamente. Os oito animais empregados no estudo foram previamente familiarizados com os procedimentos utilizados. Após quatro mensurações basais, foram administrados, por via intramuscular, 0,02mg kg-1 de buprenorfina, 0,06mg kg-1 de acepromazina ou 0,01mg kg-1 de buprenorfina associada a 0,03mg kg-1 de acepromazina, em um estudo cego, com delineamento em quadrado latino e tratamento semanal. Os efeitos antinociceptivos e sedativos foram avaliados aos 15, 30, 45 minutos e uma, duas, três, quatro, seis, oito e 12 horas após a administração do tratamento. O limiar nociceptivo mecânico se elevou significativamente apenas no grupo tratado com a associação buprenorfina-acepromazina (entre 45 minutos e uma hora). em relação à sedação, nos grupos tratados com acepromazina e com a associação, os valores da DIVAS foram significativamente maiores, respectivamente, de 15 minutos até quatro horas e de 15 minutos até três horas pós-tratamento, não apresentando elevação desses valores com a buprenorfina. Concluiu-se que não foi possível verificar a superioridade da neuroleptoanalgesia em relação ao uso dos fármacos isoladamente.-
Descrição: dc.descriptionThe antinociceptive effects of buprenorphine have been reported in dogs and cats. This study evaluated changes in the mechanical nociceptive threshold and the sedative effects of buprenorphine, acepromazine and its combination in cats, determined by the same observer using a nociceptive threshold testing device and DIVAS, respectively. Eight animals were previously conditioned to the procedures. After four baseline measurements, 0.02mg kg-1 of buprenorphine, 0.06mg.kg-1 of acepromazine, or 0.01mg kg-1 of buprenorphine with 0.03mg kg-1 of acepromazine were administered intramuscularly in a blinded and experimental study using a Latin square design within a one week interval between treatments. The antinociceptive and sedative effects were evaluated at 15, 30, 45 minutes and 1, 2, 3, 4, 6, 8 and 12 hours post treatment. The nociceptive threshold increased significantly only after the combination buprenorphine-acepromazine (between 45 minutes and 1 hour). Regarding sedation, the use of acepromazine and the combination of both were associated with significantly higher DIVAS values from 15 minutes to 4 hours and 15 minutes to 3 hours post treatment, respectively. No increase in these values was noted with the use of buprenorphine. It was concluded that it could not be verified the superiority of neuroleptanalgesia over the use of drugs alone-
Formato: dc.format2122-2128-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Federal de Santa Maria (UFSM)-
Relação: dc.relationCiência Rural-
Relação: dc.relation0.525-
Relação: dc.relation0,337-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectacepromazina-
Palavras-chave: dc.subjectanalgesia-
Palavras-chave: dc.subjectantinocicepção-
Palavras-chave: dc.subjectbuprenorfina-
Palavras-chave: dc.subjectgato-
Palavras-chave: dc.subjectneuroleptoanalgesia-
Palavras-chave: dc.subjectacepromazine-
Palavras-chave: dc.subjectanalgesia-
Palavras-chave: dc.subjectantinociception-
Palavras-chave: dc.subjectbuprenorphine-
Palavras-chave: dc.subjectcat-
Palavras-chave: dc.subjectneuroleptanalgesia-
Título: dc.titleEfeitos antinociceptivos e sedativos da buprenorfina, da acepromazina ou da associação buprenorfina e acepromazina em gatos-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.