A recuperação psicológica de atletas lesionados do futebol

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorSanches, Matheus Buratti-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T21:44:07Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T21:44:07Z-
Data de envio: dc.date.issued2015-03-23-
Data de envio: dc.date.issued2015-03-23-
Data de envio: dc.date.issued2010-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/120938-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/120938-
Descrição: dc.descriptionA intervenção psicológica na prática esportiva pode ser realizada através de determinados programas psicológicos de treinamento assim como através de aconselhamento e acompanhamento. As metas principais que podem ser alcançadas através de medidas psicológicas de treinamento são a melhoria planejada e sistemática das capacidades e habilidades psíquicas individuais do rendimento, estabilização e otimização do comportamento na competição e aceleração e otimização de processos de regeneração psicológica. A lesão no esporte tem sido alvo de atenção da psicologia do esporte, em função do número crescente de atletas lesionados, influenciados pela alta exigência do esporte de rendimento, bem como do desejo humano de cada vez querer ir além. Essa demanda máxima em busca do rendimento durante as competições juntamente com o aumento das cargas de trabalho durante os treinamentos ajudam a produzir um progressivo crescimento no número de lesões. Participaram desta pesquisa quinze atletas de futebol, sexo masculino, sendo dez atletas da categoria profissional, um atleta da categoria sub-20 e quatro atletas da categoria sub-17. Eles se encontravam lesionados ou em fase inicial de retorno às atividades, da cidade de Limeira, interior do Estado de São Paulo. A pesquisa, de vertente qualitativa, utilizou-se de um questionário subjetivo (Apêndice) contendo perguntas relacionadas à atual lesão do atleta e também a recuperação fisioterápica e psicológica; para análise dos dados foram feitas leituras e propostas de aglutinação de elementos, por categorização da amostra. A ausência de um psicólogo, em especial do esporte nas equipes, no programa de reabilitação dos atletas entrevistados, fez com que não houvesse a implementação de técnicas de atendimento psicológico, tais como as de visualização...(Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo)-
Formato: dc.format56 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectFutebol-
Palavras-chave: dc.subjectTraumatismos em atletas-
Palavras-chave: dc.subjectFerimentos e lesões-
Palavras-chave: dc.subjectEsportes - Aspectos psicológicos-
Título: dc.titleA recuperação psicológica de atletas lesionados do futebol-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.