Geofísica aplicada no diagnóstico preliminar do antigo lixão do município de Rio Claro - SP

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorIamondi, Gustavo Venezian-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T21:38:29Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T21:38:29Z-
Data de envio: dc.date.issued2015-03-23-
Data de envio: dc.date.issued2015-03-23-
Data de envio: dc.date.issued2009-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/119437-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/119437-
Descrição: dc.descriptionThe issue of solid waste disposal and urban growth are conflictive, since the areas where old uncontrolled refuse disposal were away from the city today are incorporated to the urban area population. Thus, now population is closer to the degradation of contaminants coming from waste disposal, and, in some cases, these areas become housing subdivisions. This work aims to support the diagnosis of a former landfill in the municipality of Rio Claro (SP), using geophysical methods through resistivity anomalies. In order to develop the diagnostic, it was utilized water and soil analysis of a preliminary report and techniques of vertical electrical sounding and electrical profiling. The areas influenced by the garbage presented less resistivity than the one of the natural subsoil. Through the interpretation of results, the local potentiometric map was elaborated, as well as a map of calculated resistivity. The interpretation of these products indicated a disagreement between the groundwater flow and the current topography, leading to an identification of a preferential direction of the contamination plume in the NE-SW. These observations prove the applicability of geoelectrical methods in areas of former waste disposal with little information.-
Descrição: dc.descriptionA questão do problema da disposição de resíduos sólidos e o crescimento urbano entram em conflito, uma vez que locais onde existiram antigos lixões afastados da cidade, hoje, se encontram dentro do perímetro urbano aproximando a população com os contaminantes provenientes da degradação dos resíduos, sendo que em alguns casos, estas áreas tornam-se loteamentos habitacionais. Este trabalho tem como objetivo subsidiar o diagnóstico de um antigo lixão do município de Rio Claro – SP, utilizando-se de métodos geofísicos através das anomalias de resistividade. Para a elaboração do diagnóstico utilizou-se análises de água e solo de um laudo preliminar e técnicas de sondagem elétrica vertical e caminhamento elétrico. As áreas que sofreram influência do lixo apresentaram resistividade menor que as resistividades naturais das camadas do subsolo. Através da interpretação dos resultados obtidos, foi elaborado o mapa potenciométrico local e um mapa de resistividade calculada. A interpretação destes produtos indicou uma discordância do fluxo da água subterrânea com a topografia atual, sendo então identificada uma direção preferencial da pluma de contaminação no sentido NE-SW, comprovando a aplicabilidade dos métodos geoelétricos em áreas de antiga disposição de resíduos com pouca informação.-
Formato: dc.format66 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectGeofisica-
Palavras-chave: dc.subjectResíduos sólidos-
Palavras-chave: dc.subjectÁreas contaminadas-
Palavras-chave: dc.subjectDiagnóstico do meio físico-
Palavras-chave: dc.subjectEletrorresistividade-
Palavras-chave: dc.subjectContaminated areas-
Palavras-chave: dc.subjectDiagnosis of the physical environment-
Palavras-chave: dc.subjectSolid waste-
Palavras-chave: dc.subjectResistivity-
Título: dc.titleGeofísica aplicada no diagnóstico preliminar do antigo lixão do município de Rio Claro - SP-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.