Resistência de genótipos de cana-de-açúcar ao Sugarcane mosaic virus (SCMV)

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorSilva, Marcel Fernando da-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T21:10:07Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T21:10:07Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-11-10-
Data de envio: dc.date.issued2014-11-10-
Data de envio: dc.date.issued2014-02-07-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/110323-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/110323-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Agronomia (Genética e Melhoramento de Plantas) - FCAV-
Descrição: dc.descriptionThe resistance to diseases constitutes the main factor of cultivar replacement in sugarcane, being mosaic one of the main diseases of this crop, with records in almost all the major sugarcane growing countries. This study aimed to evaluate the resistance of 79 sugarcane genotypes, including varieties and elite clones, artificially inoculated with Sugarcane mosaic virus (SCMV) R1b-1 and estimate genetic parameters associated to mosaic resistance by variance analysis. Evaluations of symptoms by grade scale associated with serological test Plate Trapped Antibody-ELISA were performed in a greenhouse experiment that was later taken to field conditions. The genotypes IACSP982053, IACSP972028, RB855156, IACSP993009, IACSP977543, IACSP972000, IACSP962100, IACSP986202, IAC912195, IACSP953028, IAC862480, IACSP972098, IACSP955000, SP701143, IACSP952078, IACSP972020, IACSP967569, IACSP985046, SP803280, IACSP993085, IACSP972055 and IACSP977065 were resistant to the strain in study. The broad-sense heritability at individual level and means based was 19.37% and 62.18%, respectively, which shows a great influence of environmental conditions on the expression of mosaic symptoms. Wild sugarcane germplasm were also evaluated for SCMV resistance in a second experiment, in order to identify new sources of mosaic resistance for future introgression crosses. An evaluation of symptoms by grade scale associated with serological test Plate Trapped Antibody-ELISA were performed for 43 clones, including Saccharum officinarum, S. barberi, S. spontaneum and S. robustum species, maintained under natural infection conditions. The clones IS76-155, IJ76-418 red, NG57-50, Ceram red, Badila, Sac.off. 8276, Fiji19 IJ76-313, US 57-141-5, Krakatau, IN8458, IN84-88, IN84-82, Gandacheni and Chin possibly represents resistant sources. A differential behavior among Saccharum species were also observed, with higher susceptibility in ...-
Descrição: dc.descriptionA resistência a doenças constitui o principal fator de substituição de cultivares na cana-de-açúcar, sendo o mosaico uma das principais doenças da cultura, com registros em quase todos os países produtores. O presente estudo teve como objetivo avaliar a resistência de 79 genótipos de cana-de-açúcar, incluindo variedades e clones elite, inoculados artificialmente com o Sugarcane mosaic virus (SCMV) Rib-1 e estimar os parâmetros genéticos associados à resistência por meio de análise de variância. Avaliações de sintomas por escala de notas foram feitas em associação com o teste serológico Plate Trapped Antibody-ELISA em um experimento conduzido em estufa e levado em condições de campo. Os genótipos IACSP982053, IACSP972028, RB855156, IACSP993009, IACSP977543, IACSP972000, IACSP962100, IACSP986202, IAC912195, IACSP953028, IAC862480, IACSP972098, IACSP955000, SP701143, IACSP952078, IACSP972020, IACSP967569, IACSP985046, SP803280, IACSP993085, IACSP972055 e IACSP977065 apresentaram-se resistentes à estirpe em estudo. A herdabilidade no sentido amplo calculada foi de 19,37% ao nível de plantas individuais e de aproximadamente 62,18% ao nível de média de parcelas, indicando uma alta influência das condições ambientais na manifestação dos sintomas de mosaico. Acessos de cana-de-açúcar pertencentes à Coleção de Germoplasma do Centro de Cana do Instituto Agronômico de Campinas também foram avaliados em um segundo experimento, com o objetivo de identificar possíveis fontes de resistência ao SCMV para serem utilizadas nos programas de introgressão genética. Foi realizada uma avaliação de sintomas de mosaico por meio de escala de notas em associação com o teste serológico PTA-ELISA em 43 acessos, ao todo, incluindo as espécies Saccharum officinarum, S. barberi, S.spontaneum e S.robustum, mantidos em campo em condições de infecção natural. Os clones ...-
Formato: dc.formativ, 57 p.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectCana-de-açúcar-
Palavras-chave: dc.subjectCana-de-açúcar - Doenças e pragas-
Palavras-chave: dc.subjectCana-de-açúcar - Resistência a doenças e pragas-
Palavras-chave: dc.subjectVirus de plantas-
Palavras-chave: dc.subjectGenetica vegetal-
Palavras-chave: dc.subjectSugarcane-
Título: dc.titleResistência de genótipos de cana-de-açúcar ao Sugarcane mosaic virus (SCMV)-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.