Avaliação das características histopatológicas e imuno-histoquímicas do fronte de invasão tumoral do carcinoma espinocelular cutâneo de cabeça e pescoço e sua importância no comportamento biológico

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorMelo, Juliana Carneiro-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T21:06:02Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T21:06:02Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-08-13-
Data de envio: dc.date.issued2014-08-13-
Data de envio: dc.date.issued2013-07-17-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/108538-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/108538-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Patologia - FMB-
Descrição: dc.descriptionThe Squamous Cell Carcinoma (SCC) is a malignant epidermal tumor of squamous epithelial cells, characterized for greater aggressiveness much higher incidence of metastasis than Basal Cell Carcinoma (BCC). The deepest invading tumor area, known as invasive tumor front usually disclose less differentiated malignant cells, compared with the whole lesion. Recent studies demonstrate the influence of the invasive tumor front pattern on the prognosis of larynx and uterine cervix SCC. However, there is no studies about that on cutaneuos SCC of the head and neck. To study the clinical, histopathological and immunohistochemical profile of the SCC from head and neck and its invasive tumor front, correlating it with its biological behavior. The study was a retrospective type coorte, where the patients with histopathological diagnosis of head and neck cutaneous SCC among 1999 to 2009 were selected. The evaluation of invasive tumor front was immunohistochemistry for E-cadherin, ki-67 and p53. The pattern of invasive tumor front, as well as E-cadherin and ki-67 expressions, at superficial and deep sites, did not present association with histopathological prognostic criteria. The findings showed that E-cadherin, p53 and Ki-67 were more highly expressed in tumors with size ˃ 2cm. Regarding the thickness of the tumor, we observed that p53 was expressed in depth in thicker lesions (Breslow thickness greater than 2 mm), which was also accompanied by higher expression of Ki-67. p53 expression, at superficial site, had inverse association with thickness criteria (p<0,049) and, at deep site, had direct association with local inflammatory process intensity (p<0,046). The invasive tumor front, as well as E-cadherin, ki-67 and p53 expressions, at superficial and deep sites, did not demonstrate impact on free disease survival. The characteristics of invasive tumor front did not correlate with prognosis in cutaneuos SCC of the head and neck regarding to the ...-
Descrição: dc.descriptionO carcinoma espinocelular (CEC) é tumor maligno das células espinhosas da epiderme caracterizado por evolução mais rápida, maior poder invasivo e metastático em relação ao carcinoma basocelular (CBC). A área mais profunda e infiltrativa do CEC, conhecida como fronte de invasão, revela células neoplásicas malignas com menor grau de diferenciação comparadas à totalidade da lesão. Estudos recentes demonstram a influência do padrão do fronte de invasão tumoral no prognóstico de CEC de laringe e colo uterino. Contudo, não há estudos sobre o mesmo em relação a CEC cutâneos de cabeça e pescoço. Estudar as características clínicas, histopatológicas e perfil imuno-histoquímico do CEC de cabeça e pescoço e fronte de invasão tumoral, correlacionando-o com comportamento biológico. O estudo foi do tipo coorte retrospectivo, sendo selecionados os pacientes que tiveram diagnóstico de CEC de cabeça e pescoço confirmados pelo exame anatomopatológico no período de 1999 a 2009. A avaliação do fronte de invasão tumoral foi realizada empregando-se imuno-histoquímica para E-caderina, ki-67 e p53. Resultados: O tipo de fronte de invasão, bem como as expressões de E-caderina e ki-67, seja em sítio superficial ou profundo, não apresentaram associação com os critérios prognósticos histopatológicos. Os achados mostraram que a E-caderina, o p53 e o ki-67 foram mais expressos em tumores com tamanho ˃ 2cm. Em relação a espessura do tumor, observamos que o p53 foi mais expresso na profundidade nas lesões mais espessas (índice de Breslow maior que 2mm), e que foi acompanhada também pela expressão maior do Ki-67.A expressão de p53 em sítio superficial teve associação inversa com o critério de espessura (p<0,049) e, em sítio profundo, teve associação direta com a intensidade do processo inflamatório local (p<0,046). O tipo de fronte de invasão, bem como as expressões de E-caderina, ki-67 e p53, em sítios ...-
Formato: dc.format80 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectCarcinoma de celulas escamosas-
Palavras-chave: dc.subjectImuno-histoquímica-
Palavras-chave: dc.subjectHistopatologia-
Palavras-chave: dc.subjectCabeça - Câncer-
Palavras-chave: dc.subjectPescoço - Câncer-
Palavras-chave: dc.subjectNeck Cancer-
Palavras-chave: dc.subjectHead Cancer-
Título: dc.titleAvaliação das características histopatológicas e imuno-histoquímicas do fronte de invasão tumoral do carcinoma espinocelular cutâneo de cabeça e pescoço e sua importância no comportamento biológico-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.