Suprematismo, Cubo-futurismo e a Tragédia, de Maiakóvski

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorBolognesi, Mario Fernando-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T21:03:47Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T21:03:47Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-24-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-24-
Data de envio: dc.date.issued1999-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://seer.fclar.unesp.br/itinerarios/article/view/3386-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/107473-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/107473-
Descrição: dc.descriptionVladimir Maiakóvski (1893-1930) escreveu sua primeira obra dramatúrgica, Vladimir Maiakóvski: uma tragédia, em 1913.3 A Tragédia foi concebida em um momento em que o czarismo e seu projeto de industrialização passavam por profunda crise. Em pleno domínio do Simbolismo, a peça apresenta um experimentalismo cênico que se apossa das conquistas abstratas do Suprematismo, de Malévitch, da poesia e do teatro abstrato do Cubo-futurismo. Palavras-chave: Suprematismo; Cubo-futurismo; Maiakóvski; vanguardas russas.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Relação: dc.relationItinerários: Revista de Literatura-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Título: dc.titleSuprematismo, Cubo-futurismo e a Tragédia, de Maiakóvski-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.