Viabilidade de sementes de acerola (Malpighia emarginata DC): avaliação da vitalidade dos tecidos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorCosta, Luciana Claudia-
Autor(es): dc.creatorPavani, Maria do Carmo Morelli Damasceno-
Autor(es): dc.creatorMoro, Fabiola Vitti-
Autor(es): dc.creatorPerecin, Dilermando-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T16:32:04Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T16:32:04Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2014-05-20-
Data de envio: dc.date.issued2003-12-01-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.1590/S0100-29452003000300043-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/1048-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/1048-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionA morfologia interna e a viabilidade de sementes de acerola (Malpighia emarginata DC.) foram estudadas utilizando-se o tetrazólio (cloreto de 2, 3, 5 trifenil tetrazólio). Dos clones testados, o Flórida Sweet foi o que apresentou a menor percentagem de sementes com embriões normais (10%) como também em reação às sementes sem embriões (8%) e o maior percentagem de sementes com embriões deformados (81%). O clone 07-OS apresentou maior percentagem de sementes com embriões normais (51%) e um número considerado elevado de sementes sem embriões (34%). Os demais clones apresentaram valores intermediários. Para todos os clones avaliados, as sementes com embriões normais apresentaram 100% de embriões viáveis. Essas sementes submetidas ao teste de tetrazólio por um período de 12 horas, apresentaram-se com uma coloração vermelha intensa, considerada ideal para a avaliação positiva da viabilidade das sementes. Estes resultados não podem, entretanto, ser tomados para prognóstico e o cálculo da taxa de germinação e dormência, apenas indicando que as sementes estão vivas.-
Descrição: dc.descriptionThe morphology and seed viability of acerola (Malpighia emarginata DC.) were evaluated using the tetrazolium (2, 3, 5 triphenyl tetrazolium chloride). From all clones tested, Florida Sweet presented the smallest percentage of seeds with normal embryos (10%) or without them (8%) and the greatest percentage of seeds with malformed embryos, (81%). The clone 07-0S had the greatest percentage of seeds with normal embryos (5 l%) and an elevated number of seeds without embryos (34%). For all other clones evaluated, the seeds with normal embryos were 100% viable. The seeds subjected to the tetrazolium test for 12 hours, had a deep red color, considered ideal for viability positive evaluation. These tests cannot be taken as prognosis to calculate the germination and dormancy rates, only indicating that the seeds are alive.-
Formato: dc.format532-534-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherSociedade Brasileira de Fruticultura-
Relação: dc.relationRevista Brasileira de Fruticultura-
Relação: dc.relation0.475-
Relação: dc.relation0,410-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectAcerola (Malpighia emarginata DC.)-
Palavras-chave: dc.subjectteste tetrazólio-
Palavras-chave: dc.subjectsementes vivas e embriões-
Palavras-chave: dc.subjectMalpighia emarginata DC.-
Palavras-chave: dc.subjecttetrazoilium test-
Palavras-chave: dc.subjectseeds alive-
Palavras-chave: dc.subjectEmbryos-
Título: dc.titleViabilidade de sementes de acerola (Malpighia emarginata DC): avaliação da vitalidade dos tecidos-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.