Atividade anti-Helicobacter pylori e potencial antioxidante de espécies vegetais do Cerrado brasileiro

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorBonacorsi, Cibele-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T20:53:47Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T20:53:47Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2009-06-26-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/103869-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/103869-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Biociências e Biotecnologia Aplicadas à Farmácia - FCFAR-
Descrição: dc.descriptionHelicobacter pylori é, atualmente, reconhecido como o principal fator de risco para desenvolvimento da gastrite crônica e úlcera péptica. A resposta inflamatória decorrente da infecção por essa bactéria induz alterações patológicas no microambiente gástrico, com a liberação de citocinas e de grande quantidade de espécies reativas de oxigênio (EROs) por células inflamatórias, especialmente neutrófilos, que contribuem para a injúria da mucosa e desenvolvimento de câncer gástrico. Neste trabalho, a citotoxicidade basal, atividade anti-H. pylori e antioxidante de extratos (apolares e polares), frações, mistura de triterpenos (- amirina e -amirina) e compostos fenólicos (amentoflavona, (+)-catequina, galato de metila, quercetina-3-O--L-arabinopiranosídeo e quercetina-3-O--D-galactopiranosídeo) obtidos de plantas do Cerrado brasileiro, empregadas popularmente no tratamento de distúrbios gastrintestinais, foram determinadas pela técnica do vermelho neutro, microdiluição em caldo, redução do radical 1,1-difenil-2-picril-hidrazila (DPPH) e quimiluminescência dependente de luminol, respectivamente. As preparações vegetais (extratos, frações e mistura de triterpenos) apresentaram baixo potencial citotóxico para a linhagem celular empregada (McCoy). Dentre os compostos fenólicos, quercetina (padrão comercial) e (+)-catequina apresentaram maior citotoxicidade quando comparadas aos extratos, frações e mistura de triterpenos. As espécies Byrsonima crassa (Malpighiaceae) e Davilla elliptica (Dilleniaceae) demonstraram maior potencial para o tratamento de doenças induzidas pelo H. pylori por proporcionarem maior atividade antibacteriana (concentração mínima inibitória = 1024 g/mL), entretanto frações enriquecidas e substâncias isoladas não foram conclusivas para o reconhecimento de grupos ou compostos que pudessem inferir a mesma capacidade...-
Descrição: dc.descriptionHelicobacter pylori is a bacterium recognized as the major cause of chronic gastritis and peptic ulcer. The H. pylori infection induces an inflammatory response and pathological changes in the gastric microenvironment. The host immune cells (especially neutrophils) release inflammatory mediators and large amounts of reactive oxygen species (ROS), which are related to an increased risk of developing gastric cancer. In this study, we evaluated the basal cytotoxicity, anti-H. pylori and antioxidant activities of extracts (apolar and polar), fractions, mixture of triterpenes (-amirin and -amirin) and phenolic compounds (amentoflavone, (+)-catechin, methyl gallate, quercetin 3-O--L-arabinopyranoside and quercetin-3-O--D-galactopyranoside) obtained from Brazilian Cerrado plants used to treat gastrointestinal disorders, by neutral red uptake assay, broth microdilution method, 1,1- diphenyl-2-picrylhydrazyl (DPPH) radical and luminol-dependent chemiluminescence assays, respectively. A low basal cytotoxicity was showed by the vegetal preparations (extracts, fractions and mixture of triterpenes). Among the phenolic compounds tested, quercetin (commercial standard) and (+)-catechin demonstrated higher cytotoxicity as compared to extracts, fractions and mixture of triterpenes. The Byrsonima crassa (Malpighiaceae) and Davilla elliptica (Dilleniaceae) specie presented greater potential for the treatment of H. pylori-induced gastric pathologies, since they have better antibacterial activity (minimum inhibitory concentration = 1024 g/mL). However, fractions and isolated compounds were not conclusive to identify substances that could be accountable for the antimicrobial activity of the extracts. The antioxidant activity in vitro (DPPH assay) was not necessarily the same as those observed in the ex vivo assay (luminol-dependent chemiluminescence). Although the poor anti-H. pylori activity... (Complete abstract click electronic access below)-
Formato: dc.formatvii, 216 f.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectHelicobacter pylori-
Palavras-chave: dc.subjectPlantas medicinais - Citotoxicidade-
Palavras-chave: dc.subjectPlantas medicinais - Atividade antioxidante-
Palavras-chave: dc.subjectPlantas medicinais - Atividade antimicrobiana-
Título: dc.titleAtividade anti-Helicobacter pylori e potencial antioxidante de espécies vegetais do Cerrado brasileiro-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.