Negociação e convívio cultural: Museu Histórico da Sentinela Paulista, 1957-1972

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorDi Gianni, Tércio Pereira-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T20:51:50Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T20:51:50Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2008-09-18-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/103101-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/103101-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em História - FCHS-
Descrição: dc.descriptionEstudo do engajamento de parte da população local na formação do acervo e no processo de institucionalização e consolidação do Museu Histórico do Município de Franca, mediado por José Chiachiri entre 1957 e 1972, com recuo ao período de 1937 a 1940, quando lugares de memória e monumentos históricos foram valorizados sob impacto da visita de caravana da Bandeira. Identifica escolhas entre representações sociais da história local, como critério para avaliar sentido, significado e vestígios de unidade entre semióforos exibidos ao público, denominados de núcleos vetoriais de sentido. Releva procedimentos museais de preservação, investigação e extroversão do acervo recebido evergeticamente. EXPLICITA alianças sociais, políticas, étnicas, institucionais e outras solidariedades e conflitos, conforme testemunhos da época, condição sine qua non para compreensão do espetáculo legado. O corpus documental privilegia as revistas Sertaneja e Vilafranca, dirigidas por José Chiachiri, para reconstituir o espetáculo colocado em cena e em valor no Museu por meio de seu discurso expográfico. Indica, por fim, possibilidades de atualização museológica desse patrimônio herdado-
Descrição: dc.descriptionResumem: Estudio del desarrollo de parte de la población local en la formación del acervo y en el proceso de institucionalización y consolidación del Museo Histórico del Municipio de Franca, mediado por José Chiachiri entre 1957 y 1972, con reculo al período de 1937 a 1940, cuando lugares de memoria y monumentos históricos fueron valorados bajo el impacto de la visita de caravana de la Bandera. Identifica elecciones entre representaciones sociales de la historia local, como criterio para evaluar sentido, significado y vestigios de unidad entre semióforos exhibidos al público, llamados de nucleos vectoriales de sentido. Releva procedimientos museales de preservación, investigación y extroversión del acervo recibido evergéticamente. EXPLICITA alianzas sociales, políticas, étnicas, institucionales y otras solidaridades y conflictos, según testimonios de la época, condición sine qua non para compreensión del espectáculo legado. El corpus documental privilegia las revistas Sertaneja y Vilafranca, comandadas por José Chiachiri, para recontituir el espectáculo puesto en escena y en valor en el Museo por medio de su discurso expográfico. Indica, por fin, posibilidades de actualización museológica de ese patrimonio heredado-
Descrição: dc.descriptionStudy of the engagement of part of the local population in the patrimony formation and in the process of institutionalization and consolidation of the Municipal Historical Museum of Franca, mediated by José Chiachiri, between 1957 and 1972, moving backwards to the period of 1937 to 1940; when places of memory and historical monuments were valued under the impact of the Bandeira Expedition Caravan visit. This study identifies choices between social representations of the local history, as a criterion to evaluate sense, meaning and traces of unity between semiopheres exhibited to the public, called vectorial nucleus of meaning. It demonstrates museal procedures of preservation, investigation and extroversion of the patrimony received evergetically. It makes EXPLICIT social alliances, political, ethnical, institutional and others solidarities and conflicts, in conformity with testimonies from the period, sine qua non condition to comprehend the passed on spectacle. The documental corpus grants privilege to the Sertaneja and Vilafranca magazines, managed by José Chiachiri, in order to reconstruct the spectacle on the scene in the Museum by his exposed speech. In conclusion, it indicates possibilities of museum actualizations of inherited patrimony-
Formato: dc.format213 f. : il.-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectPatrimonio historico - História - Franca (SP)-
Palavras-chave: dc.subjectMuseologia - História - São Paulo (Estado)-
Palavras-chave: dc.subjectHistoria local-
Palavras-chave: dc.subjectMuseu histórico-
Palavras-chave: dc.subjectMuseologia paulista-
Palavras-chave: dc.subjectEvergetismo-
Palavras-chave: dc.subjectHistorical museum-
Palavras-chave: dc.subjectHistorical patrimony-
Palavras-chave: dc.subjectMuseology of the São Paulo State-
Palavras-chave: dc.subjectEvergetism-
Palavras-chave: dc.subjectLocal history-
Palavras-chave: dc.subjectMuseo histórico-
Título: dc.titleNegociação e convívio cultural: Museu Histórico da Sentinela Paulista, 1957-1972-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.