Termocronologia e história denudacional da Serra do Mar e implicações no controle deposicional da Bacia de Santos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Autor(es): dc.creatorRibeiro, Marli Carina Siqueira-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-03-10T20:51:37Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-03-10T20:51:37Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-11-
Data de envio: dc.date.issued2007-10-10-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://hdl.handle.net/11449/103022-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/11449/103022-
Descrição: dc.descriptionFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)-
Descrição: dc.descriptionPós-graduação em Geologia Regional - IGCE-
Descrição: dc.descriptionNeste trabalho são apresentados os resultados obtidos por meio de análises geomorfológicas (Mapa de Níveis de Paleosuperfícies) e termocronológicos (traços de fissão em apatitas e U-Th/He em apatitas) ao longo da Serra do Mar nos setores (1), (2), (3) e (4). As correlações entre as analises geomorfológicas e termocronológicas evidenciaram uma geológica e geomorfológica compreendida entre o Cretáceo Superior e Paleoceno, demonstrando que a evolução das morfologias que compõem a área de estudo estiveram associadas a eventos tectônicos e sucedidos por uma intensa atividade erosiva. De acordo com as datações realizadas utilizando termocronômetros com temperatura de fechamento distintas, estes indicaram que as configurações dos relevos que compõem a Serra do Mar não podem ser associadas apenas aos efeitos das atividades erosivas (recuo de escarpa) e isostáticas, para poderem explicar a homogeneidade entre as idades de traços de fissão e (U-Th)/He em apatitas, sem a presença da atuação tectônica soerguendo e desnivelando parte destes relevos.-
Descrição: dc.descriptionIn this paper the results obtained geomorphological analysis (Map of levels of Palaeosurfaces) and thermochronogical analysis (apatite fission-track and UTh/ He). The correlation between the geomorphologica and the thermochronological analysis evidenced a geological and geomorphological evolution from the Upper Cretaceous to the Palaeocene, showing that the evolution of the morpholoies composing the study area were associated to tectonics events and preceded by intense erosive activity. According to the datings done using thermocronometers with distinct closing temperatures the configuration of the relieves that compose the Serra do Mar can not be associated only to the effects of the erosive (escarpment retreate) and isostatic activities but also to the tectonic motion uplifting and unlevelling part such morphologies, in order to explain the homogeneity between the ages of the fission-track and U-Th/He of apatites.-
Formato: dc.format177 f. : il., tabs., fots., quadros-
Idioma: dc.languagept_BR-
Publicador: dc.publisherUniversidade Estadual Paulista (UNESP)-
Direitos: dc.rightsopenAccess-
Palavras-chave: dc.subjectGeologia estrutural-
Palavras-chave: dc.subjectGeomorfologia-
Palavras-chave: dc.subjectSerra do Mar (SP)-
Palavras-chave: dc.subjectEvolução da paisagem-
Palavras-chave: dc.subjectTraços de fissão-
Palavras-chave: dc.subjectU-Th/He em apatita-
Palavras-chave: dc.subjectLandscape evolution-
Palavras-chave: dc.subjectFission-Track of apatites-
Palavras-chave: dc.subjectU-Th/He apatites-
Palavras-chave: dc.subjectGeomorphology-
Título: dc.titleTermocronologia e história denudacional da Serra do Mar e implicações no controle deposicional da Bacia de Santos-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:Repositório Institucional - Unesp

Não existem arquivos associados a este item.