DAS RUAS PARA AS AULAS DE HISTÓRIA: infâncias, cidadania e direitos humanos

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorUniversidade Federal de Pernambucopt_BR
Autor(es): dc.contributor.authorCavalcante, Emanuel Bernardo Tenório-
Data de aceite: dc.date.accessioned2019-03-13T17:03:15Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2019-03-13T17:03:15Z-
Data de envio: dc.date.issued2018-
identificador: dc.identifier.otherDAS RUAS PARA AS AULAS DE HISTÓRIA: infâncias, cidadania e direitos humanospt_BR
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/431583-
Resumo: dc.description.abstractO objetivo dessa pesquisa é investigar a respeito da aprendizagem histórica, de modo mais específico sobre o modo como se constitui a dificuldade dos alunos do terceiro ano do ensino médio em perceber a participação política dos movimentos sociais no processo de redemocratização (1970-1980). Em razão disso estabeleceu-se como uma das metas principais a elaboração de uma proposta de intervenção didática que viesse ao encontro de intensificar a aprendizagem pretendida. A ideia é de que tal lacuna está relacionada entre outros fatores, com o modo como o ensino de história lida com a participação cidadã das crianças e adolescentes, caracterizando-se como adultocêntrico. A metodologia adotada foi a análise de conteúdo dos livros didáticos do terceiro ano adotados por duas escolas públicas do estado de Pernambuco, localizadas na cidade do Cabo de Santo Agostinho. A perspectiva é verificar como tais obras abordam a participação das crianças e adolescentes na construção da narrativa escolar. A conclusão principal é que os livros didáticos, invisibilizam as crianças e adolescentes como sujeitos da própria história, na medida em que as citam apenas de modo ilustrativo ou então na condição de vítimas dos processos históricos. Diante disso foi proposta a elaboração de um paradidático que narrasse a trajetória do Movimento Nacional dos Meninos e Meninas de Rua (MNMMR) em Pernambuco. A intenção dessa produção é ser posteriormente incorporada na prática escolar dos professores e professoras de história mediante a disponibilização do mesmo à consulta pública. A característica principal desse paradidático é a utilização de uma linguagem criativa na qual o protagonismo das ações é dado às crianças e aos adolescentes, reforçando a identificação dos estudantes com esses atores sociais e favorecendo o movimento da empatia e da aprendizagem históricas.pt_BR
Tamanho: dc.format.extent3Mbpt_BR
Tipo de arquivo: dc.format.mimetypePDFpt_BR
Idioma: dc.language.isopt_BRpt_BR
Palavras-chave: dc.subjectProfHistóriapt_BR
Palavras-chave: dc.subjectEnsino de Históriapt_BR
Palavras-chave: dc.subjectAprendizagem históricapt_BR
Palavras-chave: dc.subjectCidadaniapt_BR
Palavras-chave: dc.subjectCriançapt_BR
Palavras-chave: dc.subjectMovimentos Sociaispt_BR
Palavras-chave: dc.subjectDireitos Humanospt_BR
Título: dc.titleDAS RUAS PARA AS AULAS DE HISTÓRIA: infâncias, cidadania e direitos humanospt_BR
Tipo de arquivo: dc.typetextopt_BR
Curso: dc.subject.courseMestrado Profissional em Ensino de Históriapt_BR
Área de Conhecimento: dc.subject.disciplineDissertaçãopt_BR
Vinculação:: dc.uab.SNuabpt_BR
Aparece nas coleções:Textos