Tolerância à seca e responsividade à irrigação em genótipos elites de quinoa no Cerrado

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorRamos, Maria Lucrécia Gerosa-
Autor(es): dc.contributorRibeiro Júnior, Walter Quadros-
Autor(es): dc.creatorSilva, Patricia Carvalho da-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:39:53Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:39:53Z-
Data de envio: dc.date.issued2019-08-22-
Data de envio: dc.date.issued2019-08-22-
Data de envio: dc.date.issued2019-08-14-
Data de envio: dc.date.issued2019-02-28-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/35326-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/637038-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Programa de Pós-Graduação em Agronomia, 2019.-
Descrição: dc.descriptionA demanda mundial por alimentos tem aumentado ao longo dos anos devido ao crescimento populacional que neste século estima-se que atingirá 9,2 bilhões de pessoas. Aumentou, também, o interesse da sociedade contemporânea em consumir alimentos mais saudáveis, com propriedades funcionais como a quinoa, que é considerada uma das culturas mais tolerantes à seca, salinidade, pragas e doenças. Nas regiões com ocorrência de períodos de déficit hídrico acentuado torna-se necessário o plantio de culturas mais tolerantes à seca. Diante disso, este trabalho tem como objetivo avaliar o desempenho de diferentes genótipos de quinoa cultivados sob regimes hídricos variáveis, no Cerrado. O experimento foi conduzido em uma área experimental da Embrapa Cerrados - Planaltina DF. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com 4 repetições, em parcelas subdivididas, sendo a parcela principal os genótipos de quinoa e a sub-parcela os níveis de água. As parcelas foram compostas por 18 genótipos de quinoa e a cultivar BRS Piabiru precoce; as sub-parcelas foram compostas por quatro regimes hídricos (RH) 150, 247, 389 e 480 mm. Para a aplicação dos diferentes níveis de água foi utilizado o sistema denominado line source sprinkler system modificado. Os genótipos e a cultivar foram avaliados quanto às respostas agronômica (produtividade e eficiência do uso da água (EUA)), morfológica (altura de plantas) e funcional (polifenois, flavonóides e antocianinas). As características fisiológicas (conteúdo relativo de água, rendimento quântico efetivo do fotossistema II, prolina, índice de clorofilas e trocas gasosas (taxa fotossíntetica, carbono interno, condutância estomática e transpiração) e a massa seca de mil grãos foram avaliadas em quatro dos genótipos (CPAC 4, CPAC 11, CPAC19 e Piabiru). Os genótipos CPAC 3, CPAC 6, CPAC 12, CPAC 13 e CPAC 17 mostraram alto potencial produtivo e EUA. Os RHs 483, 433 e 376 mm, como eram de se esperar, promoveram maior produtividade. O CPAC 11 apresentou a menor altura de plantas. Os RHs influenciaram a altura de plantas até o RH de 389 mm. O genótipo CPAC 19 e a Piabiru apresentaram maior gs e A. A relação F’v/F’m foi pouco responsiva ao aumento da irrigação. Os maiores índices de clorofila a foram obtidos no CPAC 19 e na Piabiru. As plantas do RH 480 e 389 mm apresentaram alto CRA na folha, os demais RHs apresentaram plantas com inicio de murchamento. O maior acúmulo de prolina foi no CPAC 19 e no RH 150 mm. O regime hídrico com estresse moderado (376 mm) de modo geral pode ser indicado como o mais adequado para o cultivo de quinoa sob irrigação no Cerrado. Os genótipos que se destacaram tanto em produtividade quanto em EUA foram o CPAC 6 e o CPAC 13. O CPAC 9 apresentou o maior acúmulo de flavonóides e antocianinas em todos os RHs estudados. O CPAC 19 apresentou a maior condutância estomática, taxa fotossintética e conteúdo de prolina, no entanto, o CPAC 11 juntamente com a Piabiru foram os que apresentaram a maior massa de 1000 grãos.-
Descrição: dc.descriptionCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).-
Descrição: dc.descriptionGlobal demand for food has increased over the years due to population growth which in this century is estimated to reach 9.2 billion people. It also increased the interest of contemporary society to consume healthier foods with functional properties such as quinoa (Chenopodium quinoa Willd.), which is considered one of the most tolerant crops to drought, salinity, pests and diseases. In regions with periods of severe water deficit, it is necessary to plant crops that are more drought tolerant. Therefore, this study aims to evaluate the performance of different genotypes of quinoa grown under variable water regimes in the Cerrado. The experiment was conducted in an experimental area of Embrapa Cerrados - Planaltina DF. The experimental design was in randomized blocks, with 4 replications, in subdivided plots, the main plot being the quinoa genotypes and the subplot water levels. The genotypes and the cultivar were evaluated for agronomic (productivity and efficiency of water use (WUE)), morphological (plant height) and functional (polyphenois, flavonoids and anthocyanins) responses. The physiological characteristics (relative water content, effective quantum yield of photosystem II, proline, chlorophyll index and gaseous exchange (photosynthetic rate, internal carbon, stomatal conductance and transpiration) and dry mass of one thousand grains were evaluated in four genotypes (CPAC 4, CPAC 11, CPAC19 e Piabiru). The genotypes CPAC 3, CPAC 6, CPAC 12, CPAC 13 and CPAC 17 showed high production potential and WUE. The RH 483, 433 and 376 mm, as expected, promoted higher productivity. CPAC 11 showed the lowest plant height. RHs influenced plant height up to 389 mm RH. The genotype CPAC 19 and Piabiru showed higher gs and A. The relation F'v / F'm was little responsive to the increase of irrigation. The highest indexes of chlorophyll a were obtained in CPAC 19 and Piabiru. The plants of RH 480 and 389 mm presented high CRA in the leaf, the other RHs presented plants with beginning of wilting. The greatest accumulation of proline was in CPAC 19 and in RH 150 mm. The water regime with moderate stress (376 mm) can be indicated as the most suitable for the cultivation of quinoa under irrigation in the Cerrado. The genotypes that stood out in both productivity and in the WUE were CPAC 6 and CPAC 13. CPAC 9 presented the highest accumulation of flavonoids and anthocyanins in all the studied RHs. CPAC 19 showed the highest stomatal conductance, photosynthetic rate and proline content; however, CPAC 11 together with Piabiru were the ones with the highest mass of 1000 grains.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectQuinoa - cultivo-
Palavras-chave: dc.subjectCerrados - agricultura-
Palavras-chave: dc.subjectAlimentos funcionais-
Palavras-chave: dc.subjectPlantas - Cerrados-
Título: dc.titleTolerância à seca e responsividade à irrigação em genótipos elites de quinoa no Cerrado-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.