Análise do alcance manual de lactentes pré-termo com baixo e muito baixo peso

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorToledo, Aline Martins de-
Autor(es): dc.creatorOliveira, Ana Letícia de Souza-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:38:03Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:38:03Z-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-28-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-28-
Data de envio: dc.date.issued2015-10-28-
Data de envio: dc.date.issued2015-07-31-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/18648-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://dx.doi.org/10.26512/2015.07.D.18648-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/636309-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física, 2015.-
Descrição: dc.descriptionO alcance manual é uma importante habilidade a ser estudada pois é uma das aquisições motoras voluntárias iniciais e é através dele que os lactentes desenvolvem habilidades mais complexas. Algumas restrições intrinsecas, como a prematuridade e o baixo peso ao nascer influenciam o comportamento motor geral de lactentes. No entanto, não foram encontrados estudos que abordassem a influencia especificamente do prematuro com baixo peso ao nascer no alcance manual. Desta forma, o objetivo do presente estudo foi analisar a influência do peso ao nascer e da prematuridade no alcance manual de lactentes aos 6 meses de idade corrigida. Afim de contemplar este objetivo foi realizado um estudo transversal, com uma amostra de 57 lactentes divididos em 3 grupos: a) 21 prematuros com Baixo Peso ao nascer (<2500g)(GBP); b)15 prematuros com Muito Baixo peso (<1500g) (GMBP); c) 21 lactentes a termo com Peso Adequado ao nascimento (>2500g) (GPA), para compor o grupo controle; estes mesmos lactentes foram redistribuidos conforme a idade gestacional, formando 3 grupos: a) 25 Prematuros Tardios (32 a 36 semanas) (GPT); b) 11 Muito Prematuro (28 e 32 semanas) (GMP); c) 21 lactentes A termos (>37 semanas) (GAT). O alcance foi analisado cinematicamente por meio do Sistema Qualysis (QTM – Qualisys Track Manager). As variaveis analisadas foram índice de retidão, índice de ajuste, velocidade inicial, média e de pico, unidades de movimento. Além disso, também foi avaliado o comportamento motor grosso dos lactentes por meio da escala Alberta Infant Motor Scale (AIMS). A analise dos dados foi realizada por meio dos testes não-paramétricos. Para verificar a diferença entre os grupos estratificados pelo peso ao nascimento e posteriormente pela idade gestacional foi utilizado o teste Kruskall-Wallys, quando as diferenças foram observadas realizou-se o teste Mann-Whitney para identificar em cada dois grupos em quais isto ocorreu, adotando para este último p<0,017 e para as demais significância de 5%. Por fim foi calculado o Risco Relativo do atraso motor dos grupos. Na comparação entre os grupos estratificados pelo peso ao nascer, observou-se que entre o GPA e GBP, o GPA apresentou maior Índice de Retidão (p<0,000) e menores de Unidades de Movimento (p<0,001) e de Índice de Ajuste (p=0,001); entre os grupos GPA e GMBP, o Índice de retidão foi maior nos GPA (p<0,000) e as velocidades Inicial (p=0,001) e de Pico (p=0,005) o GMBP apresentou maiores valores; e entre os grupos GBP e GMBP o GMBP mostrou maiores velocidades Média (p=0,006) e de Pico (p=0,009) e menores valores na escala AIMS (p=0,009). Quanto a analise de Risco relativo observou-se que e o GMBP apresentou Risco Relativo positivo para atraso motor. Na estratificação quanto a idade gestacional, a comparação entre os grupos GAT e GPT a variavel Índice de Retidão (p=0,001) apresentou-se maior no grupo GAT; já as Unidade de Movimento (p<0,000) e Índice de Ajuste (p=0,001) foram maiores no GPT; entre os grupos GAT e os GMP, o Índice de Retidão (p<0,000) foi maior no GAT enquanto sua Velocidade Inicial (p=0,017) foi menor; entre os prematuros em: Índice de Ajuste (p<0,000) apresentou-se maior no GPT. Na análise de Risco, pode-se observar que o grupo GMP apresentou risco relativo positivo para atraso motor. É possível concluir a partir dos presentes resultados que os lactentes de Baixo Peso e Prematuros Tardios possuem o movento de alcance semelhante, possivelmente consequente a déficits de massa muscular e sensorias. Os lactentes de Muito Baixo Peso apresentaram um movimento de alcance mais rápido, pouco fluente e sem ajustes durante a trajetória, fato consequente a déficits importante de massa magra, do subsenvolvimento cerebelar e por hipertonia de cintura escapular. Fato similar ocorreu com o grupo Muito Prematuro, que também apresentou velocidade inicial alta e movimento pouco fluente, o que pode ter sido causado pela restrições intrínsecas de baixa massa magra e déficits de ação de cerebelo. Quanto ao comportamento motor, os grupos de lactentes de Muito Baixo Peso e Muito Prematuros tiveram um risco relativo alto para atrasos motores, determinado pelas restrições intrínsecas desses lactentes e pelas intervenções neonatais sofridas devido ao uso de oxigênio suplementar e da ventilação mecânica.-
Descrição: dc.descriptionReaching is an important skill to be studied because it is one of the initial voluntary motor skills and it is through him that infants develop more complex skills. Some intrinsic restrictions, such as prematurity and low birth weight influence the overall motor behavior. However, there are no studies about the influence of preterm with low birth weight in reaching. Thus, the aim of this study was to analyze the influence of birth weight and prematurity in the reaching of infants at 6 months of corrected age. In order to reflect this objective were performed a cross-sectional study with a sample of 57 infants divided in 3 groups: a) 21 preterm infants with low weight at birth (<2500g) (LWB); b) 15 preterm infants with very low weight (<1500 g) (VLWB); c) 21 full-term infants birth with appropriate weight (> 2500g) (AWB), to form the control group; these same infants were redistributed according to gestational age, forming three groups: a) 25 Late Preterm (32-36 weeks) (LP); b) 11 Very Premature (28 and 32 weeks) (VP); c) Full-term 21 infants (> 37 weeks) (FT). The reaching was analyzed cinematically through Qualysis System (QTM - Qualisys Track Manager). The variables analyzed were righteousness index, set index, initial speed, average and peak, motion units. Furthermore, it was also evaluated gross motor behavior of infants using Alberta Infant Motor Scale (AIMS). The data analysis was performed using non-parametric tests. To detect differences between groups stratified by birth weight and then by gestational age, we used the Kruskal-Wallys test, when differences were observed was used the Mann-Whitney test to identify in two groups in which this occurred, adopting for the latter p <0.017 and for the remaining 5% significance. Finally we calculated the Relative Risk of motor delay groups. Comparing the groups stratified by birth weight, it was observed that between the AWB and LWB, GPA had a higher Righteousness Index (p <0.000) and lower Movement Units (p <0.001) and Adjustment Ratio (p = 0.001); between the AWB and VLWB groups, Righteousness Index was higher in AWB (p <0.000) and the Initial Speed (p = 0.001) and Peak (p = 0.005) the VLWB showed higher values; groups and between LWB and the VLWB, VLWB showed higher Average speeds (p 12 = 0.006) and Peak (p = 0.009) and the lower values on the AIMS scale (p = 0.009). As for risk analysis relating it noted that the VLWB and presented positive risk relative to motor delay. Stratification as gestational age, the comparison between FT and LP groups the variable Righteousness Index (p = 0.001) was higher in FT group; already the Movement Unit (p <0.000) and Adjustment Index (p = 0.001) were higher in the LP; between the FT and the VP groups Righteousness Index (p <0.000) was higher in FT as its Initial Speed (p = 0.017) was lower; among premature infants: Adjustment index (p <0.000) was higher in LP. The risk analysis, it can be seen that the VP group showed positive relative risk for motor delays. It can be concluded from the present results that infants Low Birth Weight and Preterm Late have the similar reaching motion possibly resulting muscle mass and sensory deficits. The Very Low Birth Weight infants showed a faster reaching motion, rather fluently and without adjustments during the course, the important fact consequent deficits in low muscle mass, cerebellar underdevelopment and shoulder increased muscle tone. Similar incident occurred with the group Very Premature, which also showed initial high speed and little flowing movement, which can be caused by intrinsic restrictions of low lean mass and cerebellum action deficits. As for the engine behavior, groups of Very Low Birth Weight and Preterm infants Moderates had a relatively high risk for motor delays determined by the intrinsic limitations of these infants and the neonatal interventions suffered, use of supplemental oxygen and mechanical ventilation.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectCapacidade motora nos lactentes - prematuros-
Palavras-chave: dc.subjectRecém-nascidos - peso baixo-
Palavras-chave: dc.subjectRecém-nascidos - prematuros-
Título: dc.titleAnálise do alcance manual de lactentes pré-termo com baixo e muito baixo peso-
Título: dc.titleAnalysis the reaching of infants pre-term low and very low birth weight-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.