O conceito de crítica na fenomenologia do espírito

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorLima, Erick Calheiros de-
Autor(es): dc.creatorCarvalho, Helke Cunha de-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:33:08Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:33:08Z-
Data de envio: dc.date.issued2014-09-08-
Data de envio: dc.date.issued2014-09-08-
Data de envio: dc.date.issued2014-09-08-
Data de envio: dc.date.issued2014-06-13-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/16217-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/634371-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Filosofia, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, 2014.-
Descrição: dc.descriptionEsta dissertação discute o conceito de crítica na Fenomenologia do espírito [1807], de G. W. F. Hegel, tomando por base o enfrentamento de Hegel com o que ele vê como deficiências no projeto crítico kantiano de fundamentação da metafísica, deficiências essas cuja origem – não atribuída, contudo, ao próprio Kant – seria a tendência à fixação em pontos de vista filosóficos unilaterais. Por meio da proposição especulativa, Hegel tenta mostrar, contra Kant, que a razão – entendida como o ponto de vista da infinitude – pode, sim, pretender conhecer discursivamente o absoluto. Nesse sentido, a crítica hegeliana desdobra-se como o movimento histórico e [auto]formativo das consciências de si, em suas relações orgânicas, vivas, de reconhecimento, sob o pano de fundo de uma intersubjetividade forte. É essa atividade crítica dialética – o próprio movimento especulativo, o qual, refletindo a união entre as dimensões teórica e prática, reconcilia pensamento e obra (e, nestes, universal e particular, razão e entendimento) – que permite a constituição e a compreensão do absoluto (ou do espírito) como eticidade (Sittlichkeit). ______________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThis dissertation discusses the concept of critique in G. W. F. Hegel’s Phenomenology of the Spirit [1807] on the basis of Hegel’s struggle against what he considered to be deficiencies in the Kantian critical project of establishing the fundamentals of metaphysics – and those deficiencies have roots (which are not attributable to Kant himself) in a tendency to fixation on unilateral philosophical points of view. Through speculative proposition, Hegel attempts to demonstrate, against Kant, that reason – understood as the point of view of the infinite – is able to discursively know the absolute. In that sense, the Hegelian critique develops itself as the historical and (auto)formative movement of self-consciousness, in its organic, living relations – recognition relations --, on the basis of a strong notion of intersubjectivity. It is this dialectical critical activity – the speculative movement itself, which, as a result of the union between the theoretical and practical dimensions, reconciles thought and work (and, in them, universal and particular, reason and understanding) – that allows the constitution and the comprehension of the absolute (or the spirit) as ethical life (Sittlichkeit).-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Direitos: dc.rightsA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.-
Palavras-chave: dc.subjectCrítica filosófica-
Palavras-chave: dc.subjectFenomenologia-
Palavras-chave: dc.subjectConceitos-
Título: dc.titleO conceito de crítica na fenomenologia do espírito-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.