Confiabilidade da auto-aplicação do health assessment questionnaire modificado (HAQ-M) em uma população de portadores de artrite reumatóide no Brasil

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorSantos Neto, Leopoldo Luiz dos-
Autor(es): dc.creatorCosta, Gustavo de Paiva-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:17:24Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:17:24Z-
Data de envio: dc.date.issued2009-05-11-
Data de envio: dc.date.issued2009-05-11-
Data de envio: dc.date.issued2006-
Data de envio: dc.date.issued2006-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/1497-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/628020-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, 2006.-
Descrição: dc.descriptionIntrodução: O Health Assessment Questionnaire (HAQ) é um questionário desenvolvido para avaliar o impacto funcional da Artrite Reumatóide (AR) nos pacientes. Tem como um dos fatores que podem impedir sua boa utilização o baixo nível sócio-cultural de quem o responde, que é o que encontramos na população de pacientes atendidos nos serviços públicos de saúde no Brasil, o que poderia comprometer sua utilização em nossa realidade. Objetivo: Correlacionar os escores encontrados no HAQ quando este for respondido pelos pacientes com os escores encontrados quando o mesmo é respondido pela equipe assistente. Material e Métodos: Foram estudados 90 pacientes portadores de AR, que preenchiam os critérios para classificação da doença do American College fo Rheumatology (ACR). Primeiramente os pacientes respondiam o HAQ e, após um intervalo mínimo de tempo, o HAQ era respondido pela equipe. Os escores foram, então, analisados utilizando-se o método de correlação de Pearson. Resultados: A população estudada tinha idade média de 48,2 ± 12,8 anos, com média de tempo de educação formal de 7 ± 3,2 anos, e média de renda per capta de 0,9 ± 1,5 salários-mínimos. Os escores de HAQ encontrados nos questionários respondidos pelos pacientes tiveram média de 1,156 ± 0,835. Nos escores encontrados nos questionários aplicados pelos entrevistadores a média foi de 1,293, com desvio-padrão de ± 0,856. Houve correlação significativa entre os escores dos dois grupos – correlação de 0,84 (p<0.001 e intervalo com 95% de confiança de [0,77;0,90]). Conclusão: Mesmo em uma população com baixo nível sócio-educacional no Brasil o HAQ, quando auto-aplicado, é ferramenta confiável, com baixa variância inter-observador. ___________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionIntroduction: The Health Assessment Questionnaire (HAQ) is a tool developed to address the functional impact of Rheumatoid Arthritis (RA) in the individual patient. One of the factors that can implicated in a wrong use of it is low socioeducational level, which is the prevalent situation among our patients in Brazil. This finding can impact in the correct use of HAQ in our reality. Objective: To correlate HAQ scores found when it is self-administered by our patient, with the scores found when it is administered by the staff. Material and Methods: 90 RA patients, whom fulfilled the American College of Rheumatology set criteria for RA, were included. In a first moment the patients self-administered the HAQ and, after a time, the HAQ was answered by a staff with the patient. The scores were analyzed using the Pearson´s correlation method. Results: The population of the study showed median age of 48,2 years ±12,8, with a median monthly income of $144 ± 240. The median spare time of formal education was 7 years ± 3,2. HAQ scores found in the self-administered questionnaires had a median of 1.156 ± 0,835, and the median of the HAQ scores found in the questionnaires fulfilled by the medical staff was 1,293 ± 0,856. The correlation found was 0,84 (p<0.001 and CI [0,77;0,90]). Conclusion: Even in a population of low socio-economic level in Brazil, the HAQ, when self-administered, is a reliable tool, with a low inter-observer variance.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectArtrite reumatoide - Brasil-
Título: dc.titleConfiabilidade da auto-aplicação do health assessment questionnaire modificado (HAQ-M) em uma população de portadores de artrite reumatóide no Brasil-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.