A informalidade no mercado de trabalho pela ótica de um modelo de matching

Registro completo de metadados
MetadadosDescriçãoIdioma
Autor(es): dc.contributorAraújo, Ricardo Silva Azevedo-
Autor(es): dc.creatorCastro, Diego Afonso de-
Data de aceite: dc.date.accessioned2021-10-14T18:10:46Z-
Data de disponibilização: dc.date.available2021-10-14T18:10:46Z-
Data de envio: dc.date.issued2012-06-22-
Data de envio: dc.date.issued2012-06-22-
Data de envio: dc.date.issued2012-06-22-
Data de envio: dc.date.issued2012-04-10-
Fonte completa do material: dc.identifierhttp://repositorio.unb.br/handle/10482/10790-
Fonte: dc.identifier.urihttp://educapes.capes.gov.br/handle/capes/625375-
Descrição: dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Pós-Graduação em Economia, 2012.-
Descrição: dc.descriptionA atividade econômica informal é um problema que atinge grande parte das economias do mundo, principalmente aquelas mais atrasadas no processo de desenvolvimento. Por isso, este trabalho inicialmente realiza uma extensa revisão da literatura que trata sobre a informalidade no mercado de trabalho, incluindo a análise da literatura sobre modelos de matching. Em seguida, desenvolve-se um modelo de matching que considera o setor informal e, a partir dele, relacionam-se variáveis-chave desse mercado com parâmetros de políticas governamentais. Além disso, testam-se diferentes funções de matching com o intuito de encontrar uma adequada aos dados brasileiros e, com essa função, avalia-se a validade do modelo pela convergência entre os resultados gerados e as principais características do mercado de trabalho brasileiro. Constata-se, a partir dos resultados, que a relação entre taxa de informalidade, taxa de desemprego e salários formal e informal com os parâmetros de políticas governamentais é, em geral, a esperada. Cabe ressaltar que há uma relação ambígua entre as taxas de desemprego e informalidade, uma vez que essa relação depende da magnitude dos parâmetros do modelo. Por fim, as simulações numéricas do modelo sugerem que existe uma função de matching que induz o modelo a gerar resultados consistentes com dados do mercado de trabalho brasileiro. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT-
Descrição: dc.descriptionThe informal economic activity is a problem that affects great part of the world’s economies, mainly those delayed on their development process. Therefore, the present work presents an extensive literature review on matching models. Next, a matching model which considers the informal sector is developed and from it key variables of this market are related to governmental policy parameters. Besides that, different matching functions are tested in order to find the most adequate to Brazilian data and based on it evaluate the model’s validity through convergence between the results and the main characteristics of the Brazilian labor market. It is noted from the results that the relationship between informality rate, unemployment rate and both formal and informal wages with the governmental policy parameters is the one expected in general. It is noteworthy to mention there is an ambiguous relationship between the unemployment and informality rates, once this relationship depends on the parameters magnitude. Finally, the numerical simulations of the model suggest there is a matching function which induces the model to generate consistent results with Brazilian market data.-
Formato: dc.formatapplication/pdf-
Direitos: dc.rightsAcesso Aberto-
Palavras-chave: dc.subjectSetor informal (Economia)-
Palavras-chave: dc.subjectSalários-
Palavras-chave: dc.subjectDesemprego-
Palavras-chave: dc.subjectMercado de trabalho-
Título: dc.titleA informalidade no mercado de trabalho pela ótica de um modelo de matching-
Tipo de arquivo: dc.typelivro digital-
Aparece nas coleções:UNB

Não existem arquivos associados a este item.